Como Montar uma Oficina de Motos em 9 Etapas

Com o crescimento da circulação de motocicletas, montar uma oficina de motos se tornou um dos negócios mais lucrativos
Com o crescimento da circulação de motocicletas, montar uma oficina de motos se tornou um dos negócios mais lucrativos

Trabalhar com uma oficina de motos pode ser uma ótima opção de negócio. O mercado de motocicletas cresce rapidamente, seja em razão da economia no combustível, facilidade no trânsito ou até mesmo pelo preço mais acessível de uma motocicleta.

Mas, para montar uma oficina de motos você precisa observar diversos fatores, dentre eles: localização, equipamentos, funcionários qualificados, cursos de especialização, divulgação, entre outros.

Quer aprender como montar uma oficina de motos? Então aproveite cada detalhe deste post!

1. Mercado de Motocicletas

Não se tem como falar sobre manutenção de motos sem avaliarmos o mercado de venda de motocicletas, afinal, a demanda por oficinas de motos é diretamente ligada com a quantidade de unidades presentes no mercado.

De acordo com a ABRACICLO, em 2014 foram produzidas 1,57 milhões de motos no Brasil, e os dados se tornam ainda mais evidentes quando se observa a quantidade de motocicletas circulantes no Brasil, apenas em modelo 2 rodas são mais de 23 milhões de unidades em 2015, um crescimento superior a 751% desde o ano de 1998. (link)

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

Com esta quantidade de motocicletas circulando no Brasil é evidente que a busca por manutenção é alta, e é exatamente isto que torna montar uma oficina de motos um negócio tão atrativo.

Este crescimento no setor de motocicletas também demonstra outro excelente empreendimento, montar uma loja de motos. O que você acha?

2. Localização Ideal Para a Oficina de Motos

O ponto ideal é, segundo especialistas, responsável por 25% do sucesso das empresas do comércio e, segundo o SEBRAE, 8% das empresas fecham as portas em virtude de estar em uma localização inadequada.

Quando se fala em localização para montar uma oficina de motos logo vem à mente apenas um local com boa visibilidade, mas é bem mais abrangente que isso.

Deve-se levar em consideração fatores como:

  • Preço do aluguel: este que é um dos responsáveis por aumentar significativamente o custo do negócio e reduzir os lucros, obviamente.
  • Compatibilidade do público: você tem como objetivo atingir qual público? Motos antigas? Motos voltadas para motocross? Motos de passeio? Avalie os fatores de segmentação para escolher o local em que seu público-alvo está presente.
  • Visibilidade: a visibilidade é uma das formas de propagandas mais atrativas. Muitas pessoas podem cruzar pela frente da sua oficina de motos e, quando precisar, lembrar-se dela. Então busque um local com boa visibilidade.
  • Proximidade: quanto seus consumidores precisarão se deslocar para ir até a sua oficina? E os fornecedores, estão próximos?
  • Conforto: como é para estacionar? É fácil de chegar no ponto comercial? Como é o trânsito naquela região?

Estes são os principais fatores a serem analisados ao escolher um ponto ideal para montar uma oficina de motos.

Também, deve-se buscar uma vizinhança com poucas “casas”, busque, principalmente, comércio. Isso porque, o barulho gerado é alto e a poluição sonora pode vir a ser alvo de reclamação.

3. Exigências Legais

Muitos empreendimentos iniciam sem observar as exigências legais e acabam por ter de fechar as portas, isso depreda a imagem, aumenta os custos e atrasa o processo de abertura rumo ao sucesso.

No caso de uma oficina de motos você deve prestar atenção nas seguintes exigências legais:

  • Registro na junta comercial;
  • Pedido do CNPJ na Secretaria da Receita Federal;
  • Registro na Secretaria da Receita Estadual;
  • Protocolar o pedido no Corpo de Bombeiros para vistoria (sugiro fazer isto antes mesmo de protocolar na Prefeitura, pois demora mais e a Prefeitura apenas libera o alvará de funcionamento com a liberação pelo Corpo dos Bombeiros).
  • Protocolar o pedido de alvará na Prefeitura;
  • Enquadramento na Entidade Sindical Patronal;
  • Registro na Caixa Econômica Federal para efetuar os pagamentos do INSS/FGTS;
  • Cadastro na Secretaria da Fazenda do Estado para contribuir ICMS.
  • Registro na Previdência Social;
  • Inscrição na Prefeitura Municipal para contribuição do ISS.

Por fim, destaco o seguinte ponto:

  • Entre em contato com o órgão da sua cidade, normalmente é a FEPAM (Fundação Estadual de Proteção Ambiental) para saber como se amoldar as regras/licenciamento ambiental. Você precisará “largar” os lixos químicos e etc em um local específico, contratar uma empresa especializada para transportá-los, entre muitos outros fatores. Sem contar os cuidados com ruídos.

Pode ocorrer de existir legislações locais específicas na sua cidade, por isso, o ideal é sempre pesquisar e entrar em contato com órgãos como a Prefeitura e Receita Federal/Estadual, normalmente saberão lhe dar informações precisas. Ainda, falar com um contador e um advogado são boas opções.

Veja como funciona as exigências legais para se tornar um Micro Empreendedor Individual.

4. Estrutura para Montar uma Oficina de Motos

Qual é a estrutura necessária para conseguir prestar um bom serviço de manutenção de motocicletas?

A estrutura ao montar a oficina de motos é fundamental para a execução da atividade
A estrutura ao montar a oficina de motos é fundamental para a execução da atividade

O primeiro passo é estabelecer qual será a média de motocicletas para conserto. Isso porque a estrutura será pensada com base nisso. Uma estrutura muito grande para pouca demanda significa custos excessivos e desnecessários, já o oposto pode impedir de atingir o potencial lucrativo máximo do seu negócio.

Leve em consideração fatores como a quantidade de motos atendidas, se haverá venda de peças ou apenas manutenção, qualidade dos serviços específicos e os tipos de serviços oferecidos.

Para montar uma pequena oficina de motos mesclada com a venda de peças você precisará de uma estrutura mínima de 200m², levando em consideração a necessidade de um pequeno espaço para armazenamento do estoque. O ideal é acrescentar alguns metros a mais para fazer os vestiários e banheiros.

Procure investir em uma boa decoração na área de vendas, é comum encontrarmos oficinas de motos bem “desagradáveis” e acredite, muitos dos clientes irão no seu concorrente em que possui uma decoração agradável, lugar para sentar, um bebedouro e espaço limpo.

5. Máquinas Para a Oficina

Para prestar um bom serviço e rapidamente no seu estabelecimento será preciso contar com todo o maquinário. Além dos equipamentos administrativos, ou seja, aqueles utilizados no escritório, setor de vendas e estoque, compreendendo por exemplo: cadeiras, mesas, computadores, impressoras e etc, será preciso comprar os seguintes maquinários básicos:

  • Multímetro;
  • Manômetro;
  • Ex-fuel;
  • Caneta de Polaridade;
  • Máquina de testes;
  • Máquina de limpeza de injetores de motos;
  • Analisador Digital de CO;
  • Rastreador para Injeção Eletrônica;
  • Analisadores em geral (mistura, performance e diagnóstico);
  • Scan Code EFI;
  • Dinamômetro;
  • Reprogramador de combustível Kawasaki e Suzuki;
  • Reprogramador On-Line ECU;
  • Balanceadora de rodas;
  • Conjunto de ferramentas;
  • Alinhador de Chassi;
  • Desmontadora de pneus;
  • Troca de óleo a vácuo;
  • Elevador pneumático;

Estes serão os equipamentos/maquinários básicos e obrigatórios para você montar uma pequena oficina de motos.

6. Funcionários da Oficina de Motos

Você precisará de aproximadamente 4 pessoas para a sua pequena oficina, 2 mecânicos e 2 auxiliares.

É importante que os funcionários estejam bem capacitados para trabalhar na área, inclusive, sugere-se que o proprietário do estabelecimento tenha conhecimentos avançados, podendo “fiscalizar” e treinar os seus colaboradores.

Você pode gostar:

7. Investimento Para Montar Uma Oficina de Motos

Uma oficina de motos de qualidade pode trazer excelentes lucros, mas engana-se quem pensa que o investimento é tão irrisório assim.

Uma oficina de moto exige um investimento aproximado de R$ 100.000 mil reais.

Perceba que estamos tratando de uma pequena oficina de motos e estamos levando em consideração a compra de todos os equipamentos, estrutura e maquinários informados nos pontos anteriores.

Também, estamos contando com um investimento inicial de R$ 20.000 mil reais para a reforma do estabelecimento, além de um custo de R$ 3.500 reais para a abertura da empresa, o qual pode ser bem menor se você fizer o enquadramento como Micro Empreendedor Individual, podendo ter apenas 1 funcionário, no caso.

Sugere-se ainda que o empresário tenha um capital de giro de aproximadamente 20% do valor do investimento, o qual já está computado nos valores de aproximadamente R$ 100.000 mil reais para montar uma oficina de motos. Assim, o investimento apenas com a oficina é de aproximadamente R$ 80.000 mil reais.

Mas lembre-se que o capital de giro é fundamental, principalmente nos primeiros meses, nos quais é difícil obter retorno financeiro suficiente para efetuar o pagamento de salários, manutenção de equipamentos, pagamento de aluguel e aquisição de matéria prima/insumos.

8. Quais São os Custos da Oficina de Motos?

É comum os empresários de primeira viagem levarem em consideração apenas o investimento necessário para abrir uma oficina de motos e deixar de lado os custos mensais, este é um erro responsável por grande parte da falência dos estabelecimentos.

Você trabalhará com os seguintes custos aproximados:

  • Aluguel: R$ 1.500 reais a R$ 2.200 reais;
  • Água, luz, internet e telefone: R$ 500 reais a R$ 700 reais;
  • Taxas e encargos: R$ 800 reais;
  • Refeições: R$ 800 reais;
  • Transporte: R$ 700 reais;
  • Assessora contábil: R$ 600 reais;
  • Seguros: R$ 400 reais;
  • Higiene e manutenção: R$ 400 reais;
  • Divulgação: R$ 400 reais;

Perceba que os custos não são tão baixos, além disso, você precisa levar em consideração a remuneração dos seus funcionários.

Embora possa parecer um custo alto mensal, uma oficina de motos costuma girar um alto valor de faturamento, o que permitirá ter bons lucros.

9. Divulgação dos Serviços da Oficina

Já ouviu aquela frase “quem não é visto não é lembrado”? É a pura verdade.

A sua oficina precisa ser lembrada para que tenha um alto volume de demanda, para isso, investir na divulgação será obrigatório. Dentre as formas mais interessantes estão os anúncios em rádios, mídias sociais online e parcerias com outras empresas que não sejam concorrentes, como é o caso de guinchos.

Dica Para a Oficina de Motos

Uma excelente maneira de ter muita demanda é através do credenciamento com seguradoras. As seguradoras costumam ser responsáveis por parte significativa dos pedidos de manutenção de motos. Pense nesta hipótese, mas esteja preparado para uma série de exigências, principalmente quanto a estrutura do seu estabelecimento.

Gostou do Post Sobre Como Montar Uma Oficina de Motos? Comente e Cadastre Seu E-mail Para Receber Mais Informações Sobre Negócios!

 

4.57 avg. rating (89% score) - 7 votes

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

3 COMENTÁRIOS

  1. Muito bom as orientações.
    Sim, gostaria de receber maiores informações e atualizações sempre que possível.
    Abaixo deixo meu e-mail.
    Um abraço!

DEIXE UMA RESPOSTA