Como Montar Uma Agência Virtual de Empregos

Como Montar Uma Agência Virtual de Empregos
Como Montar Uma Agência Virtual de Empregos

É cada vez mais comum a divulgação de vagas pela Internet e a criação de currículos online para a busca por emprego. Com isso, montar uma agência virtual de empregos pode ser um bom negócio.

É inegável que muitas pessoas procuram emprego pela Internet, pois esse meio é prático e abrangente, sendo mais fácil é barata a divulgação por sites do que por um jornal de empregos impresso. A Internet também aumenta as possibilidades de ação de empreendimentos não só voltados para o varejo, como também para o de serviços. E é aí que as agências virtuais ganham força, pois têm maior poder de divulgar vagas e atrair candidatos.

Veja a seguir algumas dicas de como iniciar a sua agência virtual de empregos.

Mercado para a agência virtual de empregos

Apesar do nome virtual, a maioria das agências também acontecem de forma presencial, pois precisam de organizar o processo de seleção e realizar atividades como recrutamento, dinâmicas, treinamento e outros.

A competitividade das agências virtuais é grande, mas é possível driblar a concorrência oferecendo para os candidatos promoções, serviços mais abrangentes e para as empresas que contratam o serviço de recrutamento e seleção, oferecer também as mesmas facilidades com contratos em conta, promoções especiais de uso e outros.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

Para concorrer no espaço virtual é preciso planejamento, análise de mercado e estudo dos internautas.

Análise de mercado

Para oferecer um serviço competitivo é necessário conhecer o público-alvo. Para isso, crie mecanismos de retorno, que através de estatísticas do site tornem mais visíveis o porquê do acesso ao site, quantidade de acessos e características dos usuários.

Pesquise o motivo pelo qual as pessoas procuram as agências virtuais de empregos, a frequência, o nível de escolaridade, os hábitos de acesso e a aceitação dos serviços.

Essa busca por informações é necessária, pois a partir dela é possível montar um planejamento correto para atuação da agência. Uma atuação que abranja um maior número de usuários, de empresas cadastradas e que apresente uma ótima qualidade de serviço.

Organização do Processo Produtivo

As agências virtuais de empregos podem trabalhar de forma que torne gratuito o acesso aos usuários, com a inscrição de currículos, leitura de artigos e participação de processos seletivos.

Essa estratégia torna a agência mais acessível socialmente e o desenvolvimento das atividades será mais eficaz. A facilidade de acesso tornará a agência mais competitiva diante de candidatos e das empresas.

O link “trabalhe conosco” dos sites de empresas clientes pode ser um gancho para o acesso da agência virtual de empregos e muitos empresas utilizam essa ferramenta para integração de serviços, funcionalidade e outros.

Localização da agência virtual de empregos

A empresa deve funcionar tanto virtualmente como fisicamente. Por isso, se faz necessário um endereço fixo para candidatos que farão o processo seletivo de forma presencial.

Para agregar mais empresas e candidatos, o ideal é que a agência tivesse filiais para atender diversas regiões, mas o fato de ela ser virtual facilita, pois ela pode realizar alguns serviços online (seleção de currículo, marcar entrevistas, data de testes, etc) e algumas etapas do processo seletivo como testes online e deixar outras etapas a cargo das empresas.

A agência poderá se localizar nos grandes centros das capitais onde terá um acesso maior de pessoas e estará mais próxima das empresas.  A localização centralizada dará maior competitividade e acesso mais fácil aos candidatos.

Estrutura virtual da agência de empregos

A estrutura virtual deve ser tal que torne o serviço acessível e que tenha uma plataforma competitiva com grandes possibilidades de marketing. Para ser funcional e dar bons resultados, o site deverá possuir um banco de dados atualizado, artigos sobre Recursos Humanos com dicas para empresas e candidatos.

O site deve funcionar com uma estrutura que contenha aplicativos para pesquisa de profissionais, cadastro de currículos, de vagas, espaço para visualização de currículos e atualização.

Serviços oferecidos

O site deverá oferecer serviços de cadastro de vagas, procura por candidatos que sejam adequados às vagas cadastradas, serviços de comunicação com os candidatos como emails, telefonemas e outros.

A agência pode oferecer outros serviços como seleção de candidatos para empresas que procuram profissionais que caibam no perfil para determinados cargos. Esses serviços são denominados como headhunters que são executivos com talentos para descobrir no mercado, candidatos ideais para certas vagas.

As empresas devem ter acesso também aos currículos dos candidatos, históricos, testes, fichas, redações e outros.

O preço de cada serviço irá variar de acordo com o serviço prestado e sua complexidade.

Estrutura física da agência de empregos

A estrutura física das agências de emprego deve contar com computadores, scanners, materiais de escritório e softwares.

A estrutura presencial deverá contar também com atendentes e profissionais habilitados para realização de processos seletivos como psicólogos, administradores em gestão de pessoas e auxiliares.

Além da manutenção e conservação do espaço de trabalho que exigirá funcionários e materiais para isso.

Investimentos

A empresa terá investimentos com a estrutura física e com a estrutura do site. A agência virtual de empregos terá também gastos com o desenvolvimento e atualização necessários do site. Para isso, ela poderá contar com o serviço de desenvolvedores próprios ou terceirizados.

A agência poderá ter também um veículo à sua disposição e ainda gastos com divulgação e publicidade necessária para tornar a empresa conhecida. Outros gastos serão com a formalização e contratação de pessoal para agência.

Divulgação da agência virtual de empregos

A agência virtual de empregos poderá usar mecanismos presenciais para divulgação do que é virtual. Esse mecanismo é eficaz, dependendo da forma como é realizado e poderá ser de baixo custo. A divulgação pode ser realizada em jornais, rádios, outdoors e mídias com grande visibilidade.

Não funcionam para este serviço a entrega de panfletos e folhetos que têm uma visibilidade limitada.

Pessoal

A agência deverá contar em sua equipe com pessoal experiente e com formação em TI (Tecnologia da Informação), sobretudo, programadores e desenvolvedores de software, além de pessoas com experiência em Recursos Humanos como gestores e psicológos.

Dicas do negócio

A maioria das agências virtuais se denomina como de recolocação, mas isso limita o serviço para profissionais experientes.

Então, o empreendedor pode abrir o leque de possibilidades oferecendo uma agência que presta serviços para candidatos que procuram o primeiro emprego, aqueles que não têm sem experiência, candidatos portadores de deficiência e outras possibilidades que agregarão maior valor social.

Aspectos Legais

As agências virtuais de empregos devem respeitar as novas leis do código civil voltadas para o Consumidor, para as Leis Digitais, para uso de softwares e programas.

Mais informações acesse as Leis: lei nº 9.609/98, Lei nº 9.610/98 de direitos autorais, Lei geral de informática nº 10.176/2001.

O que achou das nossas dicas de como montar uma agência virtual de empregos? Comente:

5.00 avg. rating (89% score) - 1 vote

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

5 COMENTÁRIOS

  1. Á princípio é uma idéia boa,mas onde está a vantagem de se abrir a agencia virtual se é gratis para quem acessa? Gostaria de saber onde lucro nisso? Mas msm assim parabéns pelo artigo…

  2. Suely,
    O valor cobrado irá depender muito da região onde voce irá atuar e dos serviços que você prestará.
    Como sugestão, indico a você verificar seus possiveis concorrentes locais e verificar os valores cobrados. Uma vez feito isso, verifique se esses valores estão dentro do orçamento de despesas do seu negocio.
    Sucesso.

    Odair Jose Schirmer

DEIXE UMA RESPOSTA