Como abrir lojas de biquínis

Como abrir lojas de biquínisA cada estação, a moda praia vem se inovando e as coleções vão ficando cada vez mais modernas. Às vezes, os biquínis chegam mais conservadores, oriundos da moda europeia que costuma tapar um pouco mais o corpo da mulher. Outrora, o famoso fio dental movimenta as vendas das lojas de biquínis em todo o Brasil, por influência pura e simplesmente nacional.

As confecções e lojas de biquínis são muito procuradas no Brasil por estrangeiros, pois particularmente a moda praia brasileira é uma das mais disputadas no mundo, fazendo sucesso em todos os continentes. O público consumidor é caracterizado por mulheres, que podem ser jovens ou adultas. Além de biquínis, a loja pode ainda englobar as sungas de praia para os rapazes, atividade secundária que visa um aumento na lucratividade.

É necessário que o empreendedor conheça bastante as mulheres que estão procurando por biquínis, sua faixa etária, hábitos de consumo, faixas salariais e outros aspectos. Tudo isso ajudará a definir um padrão de cliente, e com isso a loja poderá usar seus artifícios para melhorar suas vendas e conseguir uma boa relação consumidor-empresa. A qualidade e a variedade dos biquínis contam muito e o empreendedor deve ficar ligado nas mudanças de coleções e nos padrões que as mulheres mais estão seguindo na hora das compras.

Localização e estrutura das lojas de biquínis

A localização ideal é aquela em que as pessoas estão passando a todo o tempo pela frente das lojas de biquínis. O empreendedor deve investir principalmente em locais de praia e piscina, ainda pensando no clima da cidade.

No inverno, as vendas caem muito e isto deve estar esclarecido ao empreendedor das lojas de biquínis, já que alguns desavisados acabam fazendo dívidas e ficando dependentes de um lucro que pode não entrar. O número de concorrentes ainda deve influenciar na localização, ou seja, optar pelo imóvel requer muito estudo.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

A estrutura básica de uma loja deve estar dividida em área de exposição (onde ficam as estantes e as gôndolas), balcão de atendimento, área de vendas (em que fica o empacotamento, caixa e entrega de produtos), administração, estoque, provadores e sanitários. Durante a troca de coleções, as lojas de biquínis costumam ficar uma bagunça e isto não é tolerado pelos clientes, mostrando falta de organização.

Os itens básicos para as lojas de biquínis são os balcões, prateleiras, vitrines, estantes expositoras, computadores, softwares, móveis, impressoras, telefone e fax, embalagens e uniformes. O balcão de atendimento é o local que há a demonstração de produtos, e assim o cliente poderá escolher entre os que mais lhe agradam.

Decoração das lojas de biquínis

A decoração das lojas de biquínis é muito importante, principalmente quando estamos falando de uma loja de roupas. Os biquínis devem estar destacados na exposição e todos os detalhes definidos no projeto arquitetônico contribuem para uma boa impressão dos clientes. A parte de iluminação deve ser bem trabalhada, já que pode tornar o ambiente muito mais sofisticado, mesmo que ainda carente da decoração completa.

A sugestão é: cores claras no interior da loja, com móveis em branco ou marfim. Próximo da vitrine, um vaso grande de cimento com uma palmeira dá um visual todo especial, e ao lado podem-se incluir armários com aras duplas para as roupas. Perto dos armários, painéis com bolsas e bolinhas para cabide ficam ideais. O provador deve ser estiloso, remetendo o clima praiano. As portas dão lugar às cortinas, que ficam muito vistosas quando confeccionadas em tecido floral, em cores vivas e marcantes.

Assim que o cliente entra na loja, já deve dar de cara com o logotipo. Atrás do balcão de atendimento, dois armários podem ficar guardando produtos. Em cima dele, óculos e chaveiros podem complementar o visual. Alguns armários com prateleiras e araras podem ficar na parede próxima ao balcão, e no centro da loja algumas araras com produtos na promoção.

Até mesmo os produtos fazem parte da decoração das lojas de biquínis, e o empreendedor e seus funcionários podem brincar de fazer arrumações a cada troca de coleções, evidenciando as propostas de moda referentes e o impacto ao consumidor.

Pessoas das lojas de biquínis

A mão de obra irá variar com a estrutura do empreendimento e deverá contar com balconistas e atendentes, além de um auxiliar administrativo e de um caixa.

Os funcionários devem ser atenciosos, terem uma boa relação com o cliente e serem ágeis. Desânimo e apatia não são tolerados para lidar com o público em lojas de biquínis. Os atendentes não precisam abordar os clientes logo na porta da loja e a tática é deixar as pessoas à vontade e atendê-las quando solicitarem.

O empreendedor deve fazer parcerias com os fornecedores de biquínis e firmar contratos com as marcas que as mulheres mais apreciam.

Dicas do negócio para lojas de biquínis

Os biquínis devem ser comprados levando em consideração as tendências atuais, mas também há a necessidade da compra de biquínis para todos os tipos de mulheres. Embora os mais curtinhos possam estar sendo muito bem vendidos, alguns modelos maiores devem ser fornecidos para as mulheres mais tímidas, mais velhas ou com alguns quilinhos a mais.

Uma modelo poderá ser contratada para fazer a propaganda da loja, podendo ser desde uma estrela de TV até alguma profissional contratada em agência. Na internet e no interior da loja, as fotos da modelo devem estar expostas, usando um dos biquínis ou vários deles. As mulheres, principalmente mais jovens, são bastante influenciadas pela mídia e irão às lojas de biquínis com mais propagandas.

4.00 avg. rating (79% score) - 1 vote

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA