Como Criar Patos

Como Montar Uma Criação de Patos
Como Montar Uma Criação de Patos

Saiba mais informações de como montar uma criação de patos corretamente e como lucrar com o negócio. Algumas pessoas já foram a restaurantes e viram no cardápio que o pato é um dos pratos mais caros do local. O pato como alimento não é incomum de ser encontrado à venda no Brasil, pois esta carne é tida como extremamente saborosa e rica em proteínas. Por isso, entrar no ramo de criação de patos, dada a apreciação da ave na culinária do país, pode ser um bom empreendimento e um excelente negócio para se investir, mesmo para jovens iniciantes no mundo agropecuário.

Os patos são aves bem independentes e não possuem grande apreço pelo homem. Os donos que possuem familiaridade a ponto de ter um pato como animal doméstico são tidos como exceção na veterinária e não regra. Por isso, é preciso ter em mente que eles precisam de uma área externa ampla com a maior quantidade de espaço possível para serem dóceis e se reproduzirem bem, pois precisam estar se sentindo a vontade para que tudo ocorra bem e de um modo natural.

A venda do pato é um bom estímulo para quem quer se iniciar no investimento, pois o valor por quilo pode chegar a ser o dobro ou o triplo que a venda da galinha e igualável a carne de cavalo, outro empreendimento bem rentável para os criadores. O investimento inicial pedido para a criação de patos também não é dos mais caros, sendo uma das formas mais fáceis de criação de animal para a venda. Para quem realmente deseja enveredar por este ramo, segue o passo a passo de como montar uma criação de patos.

Veja mais criações:

Estrutura e investimento inicial de uma criação de patos

Criar patos não pede um grande terreno, apenas uma área em que estes possam se movimentar, beber água, banhar-se e dormir a sombra e protegidos do frio com tranquilidade. O ideal é que seja montada uma estrutura básica de 20 metros quadrados, mas com grandes cercas de dois metros e meio, pois esta ave no período adulto pode voar mais alto que dois metros. Também é recomendado que a criação não seja feita em bairros residenciais, dado o barulho que os animais fazem, principalmente ao amanhecer.

A montagem da estrutura, custo com as matrizes para a criação somam um investimento inicial de R$ 2 mil. Estão nessa soma as quatro aves que vão começar a criação, sendo um macho e três fêmeas, a construção da instalação, que não deve custar mais que R$ 300, a ração e a colocação de vasilhas ou vasilhames de madeira para a ração balanceada, que será a maior responsável pela engorda do animal e, consequentemente, da obtenção do lucro com a criação.

Raças para a criação de patos

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 5 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

O primeiro passo para começar uma criação de patos será a busca pelos primeiros animais a começar a criação. Devem ser comprados um macho e três fêmeas, pois o mesmo macho consegue atuar na reprodução de três fêmeas férteis sem qualquer risco a prole ou que se gerem ovos inférteis. E mesmo que isso aconteça, os ovos de pato podem ser vendidos. Antes de fazer a compra, avalie os animais com a presença de um veterinário com conhecimento na raça para que não invista em uma fêmea sem condições de reproduzir.

Para criação voltada ao abate ou mesmo para fins de domesticação, o que não é incomum no Brasil em casas que possuem amplo jardim com lago, as raças mais conhecidas e melhores para esta finalidade são a caipira, o pato europeu moscovy e o gigante alemão, todas com penas brancas no corpo e bico fino. Há ainda a raça de pato selvagem Carina moschata, protegida pelo Ibama, mas com uma autorização específica é possível fazer a compra e montar a criação sem qualquer problema.

Período de reprodução dos patos

Os patos se reproduzem de forma bem simples, mas um pouco mais lento que as galinhas. Após o ovo posto, o período de choca dura em média 32 dias para que o novo pato saia da casca, quando deve ser deixado sempre ao lado da mãe para alimentação e maturação. Ele irá nascer sem penas e por isso deve ser separado dos pais apenas quando a penugem estiver completa e possa andar e se alimentar sozinho, tendo alcançado quase o tamanho do casal que o gerou.

Não é preciso estimular a criação dos patos, eles se reproduzem de forma autônoma quando criados todos juntos. Alguns criadores até recomendam que eles devam ser criados o mais soltos possível, uma forma de estimular também a sua alimentação saudável e assim filhotes mais fortes e gordos para a venda.

O cuidado principal com os novos filhotes deve ser em seus primeiros 15 dias de vida, quando não devem ser separados dos pais, bem como observar a sua penugem forte crescendo. Vale lembrar que é de extrema importância cuidar da prevenção de infecção por verminoses, pois os animais mais novos podem não ultrapassar os 15 dias quando infectados. O ideal é que a área da criação de patos seja limpa ao menos uma vez por semana, bem como os animais observados uma vez por mês. A água deve ser trocada diariamente ou no máximo a cada dois dias. Vermífugos devem ser colocados na água eventualmente, ao menos duas vezes ao ano para ajudar os animais na criação de imunidade e de forma preventiva.

Você poderia estar interessado também em:

Dicas e informações sobre a criação de patos

Do pato, dá para aproveitar a carne e os ovos, considerados de extremo valor nutricional e por isso, muito apreciados na culinária por dois motivos: o seu conteúdo e a casca, que gera uma farinha também incrivelmente nutritiva.

Uma informação adicional a saber é que os machos engordam um pouco mais que as fêmeas, podendo ser até quatro quilos de diferença. Para alcançar um alto peso não há segredo: basta alimentar os animais com uma ração nutritiva que pode ser comprada em casas de rações ou elaborada por um veterinário.

Deseja montar uma criação de patos? Comente!

5.00 avg. rating (90% score) - 1 vote

 

DICA IMPORTANTE!

Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Contrate uma consultoria, estude em livros, use o kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas não arrisque suas economias em um chute!

22 COMENTÁRIOS

  1. Tinha 12 patinhos e não sei o porquê que faleceram cinco. Eles ficam com o pescocinho mole e se tremem todos Vivem soltos somente com a mãe. Tem água todo o tempo, eles perfuram bem o chão de terra, o q faço pra não perder os outros?

  2. Tenho três patos, um macho e duas fêmeas que são criados junto com algumas galinhas, e um casal d’angola, mas já tem mais de um ano e até agora não colocaram ovos. Não tenho lago, só uma tina com água. O que está errado para que não coloquem ovos ?
    Obrigado.

  3. O artigo acima e muito bom. Claro que nao podia englobar tudo a menos que perguntas sejam dirigidas ao articulista. No geral, revela que este conhece o assunto que aborda. Gostei!

  4. Pretendo saber qual raça tem crescimento mais rapido para comercio. Depois de nascidos quantos dias eles estão prontos para o abate? Grato pela atenção e esperoa reposta. Sergio Domarco da Cidade de Piracicaba.

  5. Tenho um Sitio às margens de dois rios, onde há uma grande reserva de mata nativa (aproximadamente 100 alquires de mata) construi uma represa proximo a casa e coloquei quatro patos domesticos (caipiras). Acontece que os patos selvagens de grande porte vieram para minha represa e comecei a tratá-los com milho, hoje estou tendo sérios problemas com a quantidade de patos selvagens que passaram a morar na minha represa,(aproximadamente 250 patos) os quais consomem muito milho por dia, estando quase impossivel mante-los. É possivel tranformar isso em uma criação racional de patos selvagens visando lucros?

  6. tenho patos , no caso dos pequenos aprendi tira-los da mãe com media de 10 dias e colocar num lugar fechado de modo a serem protegidos do frio ou de roedores tipo ratos etc , agua ´so o suficientes pra que não morram afogados e assim vai , ração de crescimento e de uma boa qualidade
    pois tem algumas que dis ser de crescimento mais os entopem vindo a morrerem sem saber-mos a causa ,,,os grandes aprendi dar bastante agua por isso os filhotes não devem estar por perto.meus animais patos , galinhas não tem um grande espaço mais toda hora estou vendo os de perto dando agua , comidas no momento devido a ter chocado em chocadeira tenho o bastante e quero vende-los devido a dificuldade tenho em media 43 patos ( pais e filhos) e media de setenta 60 frangos e 15 pais tenho um preço caso entereçados a vender todos sai a 15 reais cada

  7. tenho um pato que foi de chocadeira, onde ele esta na chacara quando chego ele vem nos receber como um ser da familia, pode estar no terreiro eu o chamo e la vem o bicho, quando pequeno vivia pendurado no meu ombro, hoje adulto de vez enquando eu o coloco no ombro para dar rizada

  8. Desejo saber onde comprar as matrizes de patos para iniciar uma criação,com qual idade ou quantos quilos poderão ser vendidos e onde vende-los.Grato.

  9. Moro em Buerarema, estado da Bahia, crio diversas aves e há muito tenho tentado encontrar patos destas raças: muscovy e gigante alemão, assim como o Como obter o carina moschata, gostaria que me informasse onde adquirir e como obter a licença para criação da raça selvagem – a resposta poderá ser enviada direto para o meu email

DEIXE UMA RESPOSTA