Como Criar uma Startup

StartupJá ouviu falar em Startup? Conheça agora mesmo esse novo modelo de negócio, seus benefícios e como desenvolvê-lo.

Você tem uma ideia de negócio que considera genial, mas ainda não a tirou do papel por não saber como viabilizá-la? Calma! Você não está sozinho, muita gente está passando por esta situação e também há aqueles que passaram por isso e se tornaram bem sucedidos.

Como fazer uma ideia de empresa dar certo? Bom, atualmente existem diversas modalidades de negócio, basta escolher aquela que mais compreende as suas características e começar a trabalhar em busca das suas metas.

Não é necessário começar com uma empresa de grande porte para ser um empresário de sucesso, até porque dificilmente você terá todo o dinheiro necessário para colocar a proposta em prática, bem como a devida estrutura necessária.

Nos últimos tempos, quando se fala em modalidades de empresa, não se pode deixar de mencionar o termo startup, que tem sido responsável por criar milionários que começaram com apenas uma boa ideia e a transformaram em uma “mina de diamantes”.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

Basicamente, pode-se dizer que startup é uma empresa pequena, com baixos custos de operação, mas que desenvolve uma atividade que tem grande potencial de crescimento para os próximos anos.

Você acredita que pode ser um grande empreendedor? Veja as características do empreendedor de sucesso.

Quer saber mais sobre startup e começar o seu próprio negócio? Montamos esse textos especialmente para você, focando em trazer as melhores informações sobre Startup. Confira!

Definição de Startup

Que tal começar com o que significa startup? É importantíssimo!

A Startup é algo relativamente novo no mundo dos negócios, o que faz com que ela tenha interpretações diversificadas e até mesmo mude ao longo do tempo. Originalmente, a palavra “startup” começou a ser usada nos Estados Unidos, durante o ano de 1996, quando o fenômeno bolha da internet estava acontecendo, sendo conhecido pelo surgimento dos primeiros negócios virtuais.

Atualmente, uma das definições de o que é uma startup mais adotada diz que esta modalidade de empresa possui como característica ser uma ideia criatividade e com enorme potencial de crescimento para os próximos anos, ter baixo custo de operação e comandada por um grupo de pessoas com o mesmo objetivo.

Motivos Para Criar uma Startup

Você sabe que a sua ideia de negócio tem tudo para dar certo, não quer mais viver contando dinheiro para pagar as contas e deseja ter mais liberdade no seu ambiente de trabalho? Estes são, com certeza, motivos fortes para criar uma startup e mudar a sua vida de uma vez por todas.

Veja algumas ideias inovadoras, quem sabe encontre o que precise para criar sua startup.

A startup é uma empresa de pequeno porte, que requer pouca estrutura e dinheiro para manutenção e operação das atividades, sendo perfeito para quem tem uma boa ideia de negócio, mas tem pouco dinheiro no bolso, ou irá utilizar de dinheiro emprestado, como é o caso dos fornecidos pelas financeiras, nos quais são incutidas taxas de juros.

Além disso, há a vantagem de trabalhar aquilo que você gosta, procurando por pessoas que possuem as mesmas características profissionais e que são confiáveis para montar a startup, criando uma espécie de “sociedade”.

Como Criar uma Startup

Você quer começar o seu negócio próprio e ser um empresário reconhecido, mas não tem ideia de como fazer isso? Há diversas formas de iniciar o seu empreendimento, basta seguir o caminho correto para evitar transtornos e ampliar as oportunidades de sucesso.

Claro, como qualquer outro negócio é preciso ter um plano de negócio pronto para conseguir atingir o seu objetivo final. Por isso, analisar todos os caminhos que sua ideia terá de percorrer para se concretizar e ser um verdadeiro sucesso é fundamental.

Quer saber mais? Acompanhe abaixo como criar uma startup.

1 – Desenvolva uma Ideia Inovadora de Negócio

Uma das principais características que define uma empresa startup é a proposta de negócio que ela traz para o mercado. Portanto, para começar o seu negócio, é recomendado desenvolver uma ideia inovadora, que seja capaz de impactar o público e conquistá-lo, além de contribuir para com a sociedade.

Mas a questão é: como ter uma ideia de negócio brilhante dessas? Para se inspirar e ser criativo, o ideal é ficar atento a todos os acontecimentos que ocorrem na sua área de atuação, bem como no que se pretende abrir a empresa. Além disso, crie o hábito de observar as necessidades das pessoas, mesmo que, em um primeiro momento, possa lhe parecer “básicas”. Assim, torna-se possível analisar o que tem chances de dar certo ou errado.

Não basta apenas ter uma ideia inovadora, é necessário que ela tenha a ver com as suas habilidades profissionais, além de ser uma oportunidade real de empreender com sucesso. Isso é importantíssimo, pois é fundamental que o empresário trabalhe com aquilo que gosta e tem domínio, pois do contrário não irá muito longe.

Sugiro também que faça uma análise da concorrência, uma boa pesquisa de mercado para verificar se o público alvo está em crescente expansão/demanda e, por fim, analisar o que pode ser incorporado para o seu negócio se diferenciar da massa existente.

2 – Analise a Viabilidade da Ideia de Startup

Você considera a sua ideia de startup incrível? Mas, será que ela realmente é lucrativa e tem chances de emplacar? Em se tratando de mundo dos negócios não dá para “fantasiar” muito, é necessário ter uma proposta diferenciada, mas sem ultrapassar a barreira da realidade, pois isto pode lhe trazer inúmeros prejuízos.

Sendo assim, você precisa analisar a viabilidade da sua ideia de startup. Coloque uma lupa sobre a proposta e estude-a com rigor de detalhes como, por exemplo, o tipo de serviço que será prestado, os valores para colocar a empresa em atividade, qual o é o potencial de crescimento no futuro, quem é o público-alvo, onde está centralizada a demanda e se a ideia pode ser reproduzida, criando um novo nicho de mercado. Ao verificar estas questões pode-se concluir se a startup será bem sucedida ou não.

Uma boa dica é sempre manter “os pés no chão” quando for trabalhar com negócios. É comum sob a visão de quem tem a ideia pensar que é o melhor negócio que já existiu, porém, depois de por em prática percebe-se que estava longe de ser tão bom. Por isso, uma dica é pedir para que uma terceira pessoa analise o seu negócio e dê um feedback, com as coisas boas, ruins e se acredita ou não no sucesso do negócio.

3 – Estipule um Modelo Lucrativo Para a Startup

A ideia de negócio da startup é incrível? Ótimo, agora é o momento de começar a pensar em como ganhar dinheiro com esta proposta. Portanto, é necessário que você estipule um modelo lucrativo para a empresa, que deve ser criado a partir de um estudo de qual é a melhor forma de rentabilizar o negócio para que se sustente e gere lucros.

Lembre-se da importância de um plano de negócios. É exatamente isso que você fará através do estudo acima frisado.

Há diversas opções para se estabelecer em um modelo lucrativo para a startup como, por exemplo, assinatura de clientes, venda dos serviços, veiculação de anúncios, entre outras forma de monetização. Nesta fase, é de fundamental importância pensar em uma maneira de lucrar que esteja em harmonia com as condições financeiras do público-alvo e também com o tipo de produto oferecido.

4 – Monte um Plano de Negócio Para a sua Startup

Em hipótese alguma a startup deve ser um tiro no escuro, é essencial que todas as decisões e ações que a envolvam sejam minuciosamente planejadas, pois do contrário o negócio estará correndo risco iminente de falir antes mesmo de sair do papel, você não quer ter isso no seu currículo, não é verdade?

Por isso, após tomar a decisão de montar uma startup e definir a sua proposta de serviço, dê início ao plano de negócios, que deve prever todas as ações, bem como o modelo de trabalho, de divulgação, de vendas e o capital que será empregado.

Com o plano de negócios em mãos, o futuro empresário pode ir em busca da concretização dos seus objetivos, buscando parcerias que possam ajudar a colocar a empresa no mercado, tanto através de investimentos financeiros quanto a partir da colaboração com habilidade profissionais.

5 – Estude Gestão Para Aplicar na sua Startup

Para montar uma startup, você não precisa ser necessariamente um profissional da área de administração, mas, para ser um empresário bem sucedido, saiba que é uma obrigação estudar tudo sobre administração e gestão. Afinal de contas, o negócio precisa ter um sistema de funcionamento para que as atividades sejam executadas com praticidade e economia de recursos materiais, financeiros e humanos.

O ideal é começar estudando o conceito geral de administração e gestão, posteriormente pode-se especializar nestes campos dentro da sua área de atuação. A partir daí, você terá mais autonomia e segurança para tomar as decisões, além de conseguir criar ações rápidas e que afetam rapidamente a startup, minimizando os transtornos e melhorando os lucros.

E Você, Que Tal Montar Sua Própria Startup?

5.00 avg. rating (89% score) - 1 vote

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA