Propagandas para pequenos negócios

MarketingVocê, pequeno empreendedor, às vezes tem a sensação de que vai ser engolido pelo mercado? Pare, respire e se pergunte: o que você tem feito para divulgar o seu negócio? Se a sua resposta for “nada”, é hora de arregaçar as mangas e fazer alguma coisa, antes que o mercado, de fato, te devore.

Manoel Marcondes Machado Neto, doutor em Ciências da Comunicação pela USP e autor do livro “4Rs das Relações Públicas Plenas: proposta conceitual e prática para a transparência nos negócios”, pela Editora Ciência Moderna, diz que o melhor caminho para pequenos empreendedores iniciarem a publicidade de seu negócio é pela comunidade local. Mas, de que forma atingi-la?

Os 4Rs

O especialista explica que tudo começa pelo primeiro “R”: o Reconhecimento. O empreendedor deve fazer uso de algumas táticas relacionadas ao estabelecimento de uma identidade – única, distinta. E, se for o caso, utilizar-se também das técnicas do “branding”. “No caso da comunidade circunvizinha, o esforço se completa com o segundo “R”, de Relacionamento – no atendimento ao público. Um bom serviço ou um bom produto, naturalmente, são a base de tudo”, observa Manoel.

Mas a estrada não para por aí. No terceiro “R”, de Relevância, será preciso destacar-se da concorrência local, a qual disputa público com você. É momento de atacar as táticas de marketing (pesquisa, eventos pontuais – inauguração, degustação), e, talvez, exercer algum papel relevante na comunidade, patrocinando a quermesse, a festa, a caminhada, a maratona, a “academia da terceira idade” local. “Para não deixar de lado a construção mais duradoura para quem quer permanecer no local, o quarto “R”, de Reputação, merece atenção. É preciso conhecer a quem se deve dar satisfações, com quem se quer “falar”, adequar a linguagem a partir disso e divulgar muito: no jornal de bairro, no serviço de alto-falante, no portal dos serviços, etc.”, salienta o profissional.

Marketing sem gastos

Agora, se você está pensando que para garantir um bom marketing vai pracisar de mundos e fundos, está enganado. Grandes investimentos pode, inclusive, ser um erro, principalmente se você não é grande o bastante para sustentar o tranco dos gastos – que são altos. “Nossa mídia é pouco diversa e isto faz com que possa definir seus preços a partir de bases irreais, inclusive de alcance, sempre superdimensionados”, pontua Manoel Marcondes.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

A publicidade alternativa pode ser uma boa estratégia para pequenos negócios. Screen men, projection man, espelhos mágicos e voice media são em conta para o pequeno empreendedor podem até sair em conta para o pequeno empreendedor. No entanto, Manoel Marcondes é categórico em afirmar que é necessário ter ajuda especializada. Não existe mais espaço para amadores. “Isto é um mandamento. Não há mais como improvisar, pois ditas “novas mídias” surgem todo o tempo. A atenção dos consumidores está assoberbada de estímulos. Até no “toilette” somos assaltados pela propaganda. É preciso resgatar o caráter técnico e legal das agências de propaganda. Veículos têm comercializado espaço diretamente e oferecido “criação de graça” para baixar preços de maneira ilegal. Quem perde no final? O anunciante e o público”, alerta.

Manoel também é a favor da propaganda contínua e diz que há muitas vias para isso. “Até com custos “zero”, se você considerar que o próprio empreendedor pode reservar duas horas de seu dia para atuar no meio “internet” e nos “veículos” redes sociais”, ensina. Mas, não se atenha somente à internet. Muitos acham que ela é a principal via para se fazer conhecido, mas não é bem assim. “Cresce a fatia da internet no “mix” da mídia, mas dados recentíssimos mostram que a mídia impressa se mantém forte. O rádio também. Quem está perdendo – pouco, ainda, é o meio TV. O documentário “The Naked Brand”, de 2013, demonstra cabalmente a importância de uma era em que os clientes também são mídia”, explica.

Quer outras alternativas para fazer a propaganda da sua pequena empresa de forma eficaz e barata? Confira as dicas de Manoel Marcondes Machado Neto.

  • Tenha princípios, visão, missão e valores estabelecidos. Eles poderão ser “sacados” a toda hora. Não esqueça de que podem modificar-se ao longo do tempo;
  • Se você tem um comércio, deve ter uma boa programação visual de fachada. O vitrinista já deve “ser de casa” e um display externo bem feito pode sair em conta (é preciso pesquisar fornecedores olhando-se em volta);
  • Seu atendimento tem que ser ótimo (e custa nada). Isto garantirá, sempre, o boca-a-boca – principal ferramenta de comunicação desde que o Homem começou a usar a fala para se comunicar;
  • Seja, além de cidadão, um “cidadão institucional”, ou seja, por menor que seu negócio seja ele é uma “terceira entidade”. E ela precisa estar engajada nas causas da vizinhança, do setor, do bairro e da cidade. Isto também custa nada;
  • Construa um bom website (precisa ter pelo menos um blog associado para garantir que seus “leitores” também “falem”;
  • Tenha uma boa Fan Page no Facebook – sempre atualizada (algo para aquelas duas horas diárias…);
  • Pense (e se for o caso crie, de graça), uma Like Store associada à sua Fan Page;
  • Tenha um bom Show Case no LinkedInn (idem grátis);
  • Igualmente bem, faça uso do Twitter;
  • Crie um canal no YouTube pelo menos para divulgar vídeos interessante em seu website. O importante vai ser o seu “comment” sobre cada post que fizer, relacionando seu negócio, seus valores. Dizem, hoje, que “internet é vídeo”.
0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA