Como Montar Uma Fábrica de Cimento

Fábrica de CimentoQuer começar seu próprio negócio? Veja agora mesmo como montar sua fábrica de cimento!

Você cogita a possibilidade de abrir um negócio voltado para a área de construção? Pois bem, este é um dos setores mais estáveis e promissores do mercado, visto que possui um elevado número de atividades sendo realizadas em todo o país e que demandam diversos materiais para construção civil. Sem dúvidas, um dos artigos mais requisitados nos canteiros de obra é o cimento, que possibilita construir casas, prédios, muros, entre outras coisas.

Devido à grande demanda que possui, a produção de cimento é uma boa oportunidade de negócio, apresentando uma boa lucratividade, pouca influência de sazonalidade e concorrência relativa, o que permite que você consiga conquistar seu espaço no mercado, desde que, é claro, trabalhe corretamente.

Interessou-se por este ramo? Para montar uma fábrica de cimento você não precisa, necessariamente, abrir um negócio de grande porte, mas é necessário se planejar para que todos os passos sejam dados da maneira correta, de modo a evitar os erros e ampliar as possibilidades de acertos.

Nesse caso, o ideal é você elaborar um plano de negócio, o qual contenha todos os passos a serem seguidos, descrição do mercado, estimativas de ganhos, eventuais problemas que podem vir a surgir, concorrência, entre outros fatores importantes. Com isso terá uma noção do que enfrentará e, acima de tudo, como passar pelos momentos turbulentos com o mínimo de perdas.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

Para ser bem sucedido com uma fábrica de cimento é preciso conhecer todos os procedimentos necessários para estruturar o negócio e também os equipamentos que viabilizam a execução das atividades, de modo a oferecer um produto de qualidade para o consumidor final a um preço acessível.

Para que você consiga chegar a esse nível, criamos esse texto ensinando o que você realmente precisa saber para começar a sua fábrica de cimento. Não perca! Confira.

Conheça Mais Sobre a Produção do Cimento

O cimento está entre os produtos mais usados do planeta. Afinal de contas, este item está presente em todo o tipo de construção, desde moradias simples até prédios com uma estrutura mais complexa e sofisticada. O cimento se caracteriza por ser o principal componente do concreto, que por sua vez é o material básica para realizar construções civis.

No campo científico, o cimento é conhecido como um “aglomerante hidráulico resultante de uma mistura homogênea de clinquer Portland, gesso e adições de normalizados que são moídos”. O cimento é muito utilizado nas construções devido à sua versatilidade e potencial para transformação em outros materiais, visto que ele pode ser misturado com cal, pedra e areia para formar concretos e argamassas.

Até algumas décadas atrás, o processo de produção do cimento era feito manualmente. No entanto, de alguns anos para cá, ele foi aderindo à tecnologia e evoluindo, tornando o processo de fabricação de cimento mais automático, simples e prático, tudo com a finalidade de trazer praticidade para o produtor, além de aumentar a produção para atender à demanda do produto, que só cresce em todo o mundo.

Mercado Para a Fabricação de Cimento

Antes de abrir um negócio é importante estudar o mercado que se pretende entrar, pois isto é fundamental para saber como se posicionar frente à concorrência. Com relação ao setor de fabricação de cimento, é importante compreender que se trata de uma área de muitas oportunidades, pois há uma grande demanda por este produto, o que a torna estável e lucrativa.

A fabricação de cimento não é nenhuma novidade, o que faz com que haja inúmeros produtores neste mercado, ou seja, a concorrência é alta, porém, a demanda suporta novos empreendedores no setor, por isso, como já mencionamos, é atrativo! Portanto, para ser bem sucedido nesta área é preciso investir na qualidade dos produtos e procurar atuar em uma região em que a concorrência seja menor.

Dicas Para Montar Uma Fábrica de Cimento

Você está decidido a começar a trabalhar com a fabricação de cimento? Para atuar neste ramo é necessário primar por vários detalhes, que são essenciais para garantir o bom funcionamento do negócio e, consequentemente, lucro financeiro. Acompanhe abaixo nossas dicas para montar uma fábrica de cimento.

1- Escolha o Local Para Montar a Fábrica de Cimento

Existem pontos que são essenciais para colocar qualquer negócio em prática, entre eles está a escolha do local em que ele será montado, pois isto é um fator que pode contribuir para com o seu sucesso ou fracasso. Portanto, comece estudando qual é a melhor região para instalar a sua fábrica de cimento.

A instalação da fábrica de cimento deve ser feita em um local que esteja de acordo com as exigências da prefeitura em relação ao meio ambiente, além de estar acessível para os fornecedores entregarem os produtos, para os empregados e para os consumidores, o que facilita as negociações e transporte.

2- Questões Legais Para Abrir a Fábrica de Cimento

Para montar qualquer tipo de empreendimento é preciso obter autorizações legais para poder trabalhar, pois do contrário ele estará sujeito à multa, podendo até mesmo ser fechado. Sendo assim, para evitar que este problema aconteça é preciso saber quais são todas as questões legais que envolvem a abertura de uma fábrica de cimento e procurar colocá-las em prática.

Em primeiro lugar, para abrir uma fábrica de cimento é preciso ir até a Associação Comercial da cidade e solicitar a abertura do negócio. Posteriormente, na prefeitura, tem-se que pedir a Licença dos Bombeiros, Licença do Meio Ambiente e Alvará de Funcionamento, as autorizações são concedidas após vistorias no local. Também é necessário solicitar o CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) na Receita Federal.

O ideal é que você procure organizar todos os documentos antes de abrir a fábrica de cimento, porque assim não terá custos desnecessários, como a manutenção do negócio enquanto não puder iniciar a produção do cimento.

Procure todos os equipamentos, fornecedores, funcionários e matéria-prima antes de abrir a empresa, o tempo gasto para isso pode corresponder a meses, e fazer com que você gaste dinheiro com um negócio enquanto precisa estar “planejando” e negociando com terceiros.

Confira nossas dicas de como motivar seus funcionários.

3- Estrutura Para Montar a Fábrica de Cimento

Para que seja possível trabalhar com a fabricação de cimento é necessário montar a estrutura da fábrica. Neste caso, o ideal é que a empresa seja mediana, visto que estamos falando de uma atividade que é de médio porte, devendo ter aproximadamente 100m², possuindo repartições para instalar cada setor de operações.

A estrutura da fábrica de cimento tem que ter uma área para a produção de cimento e instalação das máquinas, um escritório para cuidar das questões administrativas, um salão para atender os clientes, estoque para armazenar a matéria-prima e o produto pronto, além de banheiro para os funcionários.

4- Equipamentos Para a Fábrica de Cimento

A fabricação de cimento de forma manual não é mais viável, principalmente quando se fala na produção em larga escala. Para que esta atividade seja bem sucedida é preciso adquirir todos os equipamentos necessários. Você vai precisar de fornos, que são estruturas rotativas que servem para aquecer e mistura a matéria-prima.

Também é necessário comprar prensas de rolos, as quais contribuem para a formação do cimento. Para auxiliar na produção e na finalização do produto será necessário adquirir elevadores de baldes, refrigeradores de clinquer, unidades de moagem vertical, além de pinhões e munhões. Os gastos com a compra de equipamentos para uma fábrica de cimento com porte mediano gira em torno de R$ 150.000,00 reais.

5- Fornecedores da Fábrica de Cimento

Para fabricar cimento não basta contar apenas com os equipamentos, pois também é preciso adquirir a matéria-prima. Por isso, é recomendado fazer uma seleção dos fornecedores que se adequam ao perfil da sua fábrica, oferecendo qualidade, os melhores preços e condições de negociação.

Entre as matérias-primas para a fabricação de cimento estão a sílica, carbonato de cálcio, minério de ferro e alumínio, que geralmente são elementos extraídos das rochas de argila ou calcário. Os itens podem ser comprados em separado ou de forma integrada, visto que sofrem um processo de moagem e não há alteração no resultado final.

Um cuidado importante ao escolher os fornecedores para a sua fábrica de cimento é observar os prazos de entregas de produtos. Quando se trabalha com uma fábrica de cimento, muitas vezes se acaba por precisar urgentemente dos materiais, o que, quando demora demais, impede o funcionamento da empresa e acaba por trazer graves prejuízos financeiros ao empresário.

Os fornecedores precisam ter produtos de qualidade e ao mesmo tempo um preço acessível. As formas de negociação são importantes, principalmente para você que está no início do negócio, afinal, você não terá condições de ficar comprando tudo à vista.

6- Consumidores da Fábrica de Cimento

A fábrica de cimento deve montar uma cartela de clientes, que tenham potencial para adquirir o produto. Pode-se começar fazendo uma pesquisa de quem são os consumidores em potencial, posteriormente oferecer o produto e fazer negociações para entregar os pedidos realizados.

Alguns dos clientes mais comuns e que podem ser alvos da fábrica de cimento são lojas de material de construção de todos os tamanhos e as construtoras de grande porte, que necessitam adquirir este produto em larga escala.

Quando se vende em larga escala, pode ser que tenha de fazer preços diferenciados, já que o cliente será constante e não pode arriscar “perder” a negociação com ele.

Pronto Para Começar Sua Fábrica de Cimento? Deixe Suas Dúvidas!

3.00 avg. rating (63% score) - 4 votes

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA