como montar um curso de culinária

Por:

Como montar um curso de culináriaSeguindo a tendência do “faça você mesmo”, os cursos de culinária estão em alta e o mercado tende a continuar crescendo nos próximos anos, o que significa que é um bom negócio investir no ramo.

Neste mercado promissor o importante é que o empresário monte um curso de culinária que possua condições para concorrer no mercado, como ótima estrutura, professores qualificados, capacidade de atualização e outros requisitos.

Mercado

Os cursos de culinária são voltados para cozinheiros(as) que trabalham em residências, para profissionais que desejam uma carreira no ramo da gastronomia e ainda para crianças ou pessoas que queiram aprender a cozinhar para si mesmas.

Os cursos de gastronomia têm sido um dos mais procurados do mercado para preparação e qualificação profissional, mas o curso de gastronomia é um curso superior e a formação é mais demorada que aquela oferecida pelo curso de culinária que ensina técnicas de preparo dos alimentos de modo geral ou voltado para um tipo de comida ou cozinha especificamente.

Localização do curso de culinária

Para escolher a localização ideal do curso de culinária, o empreendedor precisa realizar uma pesquisa de mercado, que ofereça informações como hábitos dos consumidores locais, renda, aspectos demográficos e culturais.

Antes de iniciar as atividades do curso de culinária, é preciso avaliar se a população local tem interesse em participar desse tipo de cursos para qual finalidade: por motivos domésticos, profissionais ou como hobby, saber a motivação do consumo facilita na proposição das aulas do curso.

Pesquisa de mercado

Para recolher as informações necessárias para o planejemento do seu negócio, é possível ver pesquisas de hábitos de consumo realizadas por diversos órgãos. Para conhecimento dos aspectos demográficos e econômicos da região, os empresários podem fazer uso de dados nos sites do IBGE, IPEA e Sebrae. No site do Sebrae é possível verificar informações como número de concorrentes por região que exercem o mesmo ramo.

As outras informações sobre a motivação dos consumidores em participar de um curso de culinária, podem ser obtidas através de pesquisas com questionários que identificarão os hábitos locais e a motivação. Para aplicar os questionários, os empresários devem escolher uma amostra da população que poderá ser um certo número de pessoas de um mesmo bairro ou comunidade.

Depois verifique se os questionários tenham questões diretas e objetivas, poucas questões para que os respondentes não considerem a pesquisa cansativa. Os questionários devem ser aplicados por pesquisadores que sejam educados, agéis e responsáveis.

O curso de culinária poderá realizar a pesquisa ou terceirizá-la. A vantagem de terceirizar é que a empresa terá os dados para análise, por um custo que corresponderá ao benefício de ganho de tempo, pois a pesquisa não é atividade fim da empresa.

A empresa deve se concentrar nos aspectos de gestão, implantação e montagem da estrutura do curso e divulgação do curso.

Cursos de culinária oferecidos

Uma escola de culinária pode oferecer diversos cursos, dentre eles:

  • Curso fundamental de culinária – este curso é indicado para alunos iniciantes, que desejam aprender os segredos da cozinha, como pontos de cozimento, tipos de corte dos alimentos, carnes e peixes e dicas para uma refeição saborosa e saudável. No curso fundamental é oferecido o básico da culinária e receitas práticas.
  • Culinária contemporânea – esse curso é destinado para alunos que querem experimentar diversas texturas e sabores e possibilidades dos ingredientes, mas com um toque da cozinha moderna.
  • Cursos para ocasiões especiais – esses cursos são feitos para datas especiais como o dia das mães, Natal, Páscoa e outras datas comemorativas.

Se o empreendedor pensa em agregar valor ao negócio, uma boa dica é investir em cursos de sommeliers ou de degustação de vinhos, que têm sido bastante procurados, pois muitas pessoas desejam obter maior conhecimento sobre vinhos, diferenciando os tipos de vinhos para cada refeição e combinando-os com queijos.

O curso de degustação de vinhos é interessante também para pessoas que desejam se profissionalizar no ramo de degustação de vinhos e procuram um curso que atenderá essa expectativa profissional.

Culinária para crianças

O curso de culinária para crianças é voltado para educação, desenvolvimento da coordenação motora e educação alimentar, de forma que as crianças aprendam a se alimentar de forma mais saudável e conheçam os tipos de alimentos e suas funções.

Alguns cursos de culinária preferiram se especializar apenas no atendimento às crianças, criando um espaço que fale a língua dos pequenos, contando com profissionais que gostam de crianças e estejam preparados para  atender os anseios de aprendizagem das crianças e satisafazer os pais que desejam ver os resultados do curso.

O curso de culinária infantil deve ser um espaço criativo e interativo que organize eventos em que as crianças possam expor seu aprendizado. A culinária infantil tem um espaço bastante promissor na época de férias e em hotéis, cruzeiros, pousadas e outros locais que recebem crianças.

Informação Importante:

Pesquisas do IBGE e DIEESE confirmam que são mais bem sucedidos os empresários que fazem um planejamento ANTES de iniciar o próprio negócio. Clique aqui para descobrir como montar um negócio de sucesso.

A Minichef é uma franquia para pequenos gourmets, para mais informações acesse o site da empresa.

Estrutura

Os consumidores procuram em um curso de culinária, uma estrutura que garanta aulas com professores que possuem domínio técnico, que use os termos técnicos da culinária de forma correta, ou seja, os consumidores sabem diferenciar os cursos que têm professores qualificados daqueles que não têm.

Os cursos devem ser ministrados em cozinhas com fogões, fornos e pias para que os alunos pratiquem as lições aprendidas e que ofereça todos os utensílios necessários para o corte e maunseio dos alimentos. O espaço de aulas deve ser limpo, iluminado, arejado e livre de insetos.

Além disso, é importante prever banheiros para os alunos e uma sala de espera que serve de socialização, entre um curso e outro.

A estrutura dos cursos de culinária é um fator crítico de competitividade. Outro fator será a capacidade de formar alunos, com professores que sejam bem qualificados e tenham experiência no ramo culinário.

Investimento inicial para montar o curso de culinária

O curso de culinária terá investimentos com a adequação da estrutura, despesas burocráticas para abertura da empresa e contratação da mão de obra.

O empresário terá também investimentos com os equipamentos para que o curso seja oferecido com qualidade: balcões de granito, fogões, pias, fornos, microondas, batedeiras, utensílios de diversos tamanhos, panelas, vasilhames em geral, assadeiras e outros itens.

É interessante também para o curso de culinária, a obtenção de um veículo que busque as mercadorias que serão usadas nas aulas. Outra opção é investir na entrega dos produtos diretamente na empresa.

Precificação

Os cursos de culinária têm custos e despesas constantes. Os maiores custos fixos e diretos serão com água, luz, gás e a compra de utensílios e eletromésticos como refrigeradores.

Os custos indiretos são com despesas administrativas, trabalhistas e tributárias.

Os custos diretos variáveis serão com ingredientes utilizados nas aulas como legumes, massas, carnes e outros.

Com isso, diversos custos deverão ser repassados para os alunos na forma de mensalidade, ao invés de se cobrar taxas por materiais utilizados nas aulas ou pedir que os alunos tragam artigos ou ingredientes o que não é muito eficiente. Essa é a explicação lógica de o porquê dos cursos de culinária serem tão caros para os alunos. Se os custos pontuais não forem repassados para os alunos na forma de mensalidade, o empreendedor terá prejuízos financeiros e nenhuma margem de lucro.

Mercado de trabalho para  Gastronomia

Os cursos culinários são uma grande oportunidade para profissionais recém-formados em gastronomia.

Os novos chefs de cozinha podem encontrar no curso de culinária uma ótima oportunidade para o desenvolvimento de sua carreira e ainda um bom negócio; que seja lucrativo e que constitua para o curso, uma imagem e nome no mercado, atraindo novos alunos.

Referências para o curso de culinária

De uma forma geral, os alunos que procuram os cursos de culinária procuram se aperfeiçoar e cozinhar com suas referências que são profissionais excelentes, talentosos e famosos, por aparecerem constantemente nos meios de comunicação.

Profissionais como o cozinheiro Jamie Oliver, Olivier Anquier e outros chefs de cozinha que são referência.

Por isso, muitos cursos de culinária costumam passar para os alunos algumas receitas e dicas desses mestres, até porque os alunos acabam pedindo essas referências no conteúdo programático.

Ficou interessado em montar um curso de culinária? Conte para a gente!

DICA IMPORTANTE!

Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Contrate uma consultoria, estude em livros, use o kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas não arrisque suas economias em um chute!



FIQUE ATUALIZADO!
Gostou do Artigo? Receba Nosso Melhor Conteúdo Diretamente No Seu E-mail!

3 comentários sobre “como montar um curso de culinária
  1. Jeverson disse:

    Olá! Fiquei interessado no curso de culinária, queria saber a lista de equipamentos, para ter um parâmetro de gastos que serão necessários.

  2. letícia Gastaldo disse:

    gostei muito curso de culinária,quero saber como mentá-la,o espaço,os materiais para ter idéia de custo.Obrigada

  3. Marco Antonio Silva disse:

    Estou procurando informações para montar um curso de culinária .
    Gostaria primeiro de montar um Plano de Negocios
    Vcs tem os dados de co o montar este plano de negócios ?
    Sou chefe de cozinha e tenho um espaço gourmet em minha casa, este espaço que vou usar para aulas .
    Podem ajudar?
    Teem um plano exemplo para vender ou algo assim?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Vai Abrir Um Negócio?

DIGITE SEU

E-MAIL PARA RECEBER

740
IDEIAS
DE NEGÓCIOS

GRÁTIS Para Cada Visitante

Como montar uma editora

Como montar uma editora

Que tal abrir uma editora? Existem três tipos de editoras  no Bra...
Como montar uma alfaitaria

Como montar uma alfaitaria

Apesar do conceito de comprar roupa pronta hoje em dia ser bem di...
Como abrir uma escola de manequim e modelo fotográfico

Como abrir uma escola de manequim e modelo fotográfico

Ser modelo é o sonho de muitas adolescentes e o mercado da moda e...

Curta O Novo Negócio!

Como escolher uma idéia de negócio?

Como escolher uma idéia de negócio?

Você decidiu que vai abrir seu próprio negócio, mas ainda não sab...
Como elaborar um plano de negócios‏

Como elaborar um plano de negócios‏

Ao elaborar um plano de negócio você transforma ideias frequentem...
20 Ideias de Negócios Para Mulheres Empreendedoras

20 Ideias de Negócios Para Mulheres Empreendedoras

Existem alguns negócios que são próprios para mulheres, podendo s...
20 ideias de franquias para trabalhar em casa

20 ideias de franquias para trabalhar em casa

Para quem tem aptidão para trabalhar com comércio uma alternativ...
A importância de um plano de negócios

A importância de um plano de negócios

Todo bom consultor empresarial, quando está ajudando um novo empr...

Divulgue o Novo Negócio

Novo Negocio

Copie e cole o texto abaixo no seu site!
x

740 Ideias Práticas de Negócios (GRÁTIS)!

Faça como 410.552 Empreendedores, participe do meu grupo particular de negócios e descubra o que é necessário para ter um negócio de sucesso.

(Ou continue na dúvida...)