Como Abrir um Comércio de Mel

Como Abrir um Comércio de Mel
Como Abrir um Comércio de Mel

Comercializar mel pode não ser o negócio mais comum do Brasil, mas alguém deve assim fazê-lo, já que o produto é muito usado na Medicina para o tratamento de algumas doenças respiratórias, na culinária para o preparo de diversos pratos da gastronomia estrangeira ou local, e outros.

Quem quer fazer um comércio de mel, geralmente, já tem certa afinidade com a atividade. A prática da apicultura é muito comum em algumas famílias e é justamente a pessoa que tem o interesse e relação com este tipo de prática que chega a ser um empreendedor que consegue estabelecer um negócio de comércio de mel.

Justamente pela especificidade desta atividade, é um pouco complexo tratar de temas mais frequentes, como público-alvo e divulgação, mas com calma podemos achar soluções que ajudem ao empreendedor iniciante a “se virar” bem no começo do comércio de mel.

Aqui você saberá um pouco mais sobre a atividade, alguns benefícios do mel e algumas características e dicas que podem ajudar na criação de um estabelecimento com este fim.

Comércio de mel – Produção do mel

Este alimento apresenta viscosidade e um sabor açucarado, produzido pelas abelhas a partir do néctar capturado das flores. O que acontece é uma reação de digestão a partir de enzimas digestivas específicas no tubo intestinal das abelhas que proporciona os favos nas colmeias, que servem como alimento.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

O homem sempre teve uma relação com o mel, obtendo o alimento diretamente das colmeias há muitos e muitos anos. Com o passar do tempo, houve a modernização das técnicas de captura de mel e o homem conseguiu manejá-las muito bem, chegando hoje a suprir a procura do mercado.

A apicultura, então, foi promovida em território nacional, através da “domesticação” das abelhas e os apicultores trabalham justamente para trazerem o mel para as pessoas ajustarem-no e colocá-lo a venda no comércio de mel.

Comércio de mel – Benefícios do mel

Os benefícios que o mel pode ter para a sociedade são as propriedades medicinais primeiramente, que são eficazes contra a proliferação de bactérias e na prevenção de doenças como a bronquite. O mel é doce e possui uma quantidade enorme de sais minerais que participam de diversas reações metabólicas no organismo humano, sendo as vitaminas alguns destes minerais, essenciais à boa saúde. As proteínas também estão contidas no mel e são quebradas em aminoácidos para a formação de energia e produção dos músculos.

Além do mel, as abelhas fabricam ainda cera, geleia real e própolis, substâncias que o homem também domina para outros tipos de funções.

Comércio de mel – Localização

A localização do comércio de mel deve ser perto das grandes lojas de produtos naturais, em locais movimentados, tanto pelo trânsito de veículos como de pessoas para aumentar a popularidade da loja.

Embora seja um produto tão incrível como descrito, as pessoas podem achar besteira ainda hoje ter a necessidade de abrir uma loja de comércio de mel. Para isso, é importante o investimento numa boa infraestrutura para que os curiosos possam se sentir à vontade em entrar e experimentar o mel e os outros produtos que junto a ele formarão o capital da loja.

Antes de tudo, é necessário que o empreendedor tenha um histórico da vizinhança local, faça pesquisas para saber se o comércio de mel ficará bem encaixado na proposta de espaço.

Comércio de mel – Diversificação

Como as pessoas não somente entrarão na loja a procura de mel, o empreendedor de comércio de mel pode vender outros tipos de produtos. Quanto aos relacionados, pode haver o comércio de balas, doces a base de mel, etc. Tudo deve estar ligado à criatividade, tendo muito bom senso na escolha dos principais itens que farão parte dos produtos do comércio de mel.

É necessário também fazer folhetos explicativos para que as pessoas possam entender os benefícios do mel, a necessidade de se instalar uma loja para a venda do produto, os descontos que podem ser dados na compra de uma determinada quantidade de produtos, parcelamentos e outros.

É importantíssimo também lembrar que o mel é frequentemente adulterado por pessoas do comércio clandestino e que o estabelecimento, muitas vezes, pode arcar com as consequências de produtos piratas. Por isso, é bom verificar a procedência do produto, nota fiscal, fazer uma pesquisa para saber qual é o fornecedor que possui o melhor preço e melhor qualidade e etc.

Investimento inicial do comércio de mel

O comércio de mel precisa de alguns itens importantíssimos para seu funcionamento. É claro que a estrutura do empreendimento é um fator determinante para saber a quantidade de dinheiro a ser investido para posterior retorno, mas levando em consideração que seja um negócio de pequeno porte, o comércio de mel pode começar com o valor equivalente a R$ 9.500,00.

A partir deste ponto, o empreendedor deve analisar se suas condições estão próximas do esperado e, caso positivo, as informações a seguir serão de real importância.

O capital de giro é de R$ 3.500,00, o investimento em equipamentos e instalações fica próximo a R$ 6.000,00 e o faturamento bruto mensal previsto é de R$ 7.000,00. Fora isso, podemos acrescentar mais alguns itens para o comércio de mel se mostrar completo, como um utilitário, um telefone fixo e um telefone celular, fax, computador, escritório para uma pessoa e ponto comercial de aproximadamente 25 m².

Comércio de mel – Novidades do setor

Os consumidores, hoje em dia, estão cada vez mais buscando opções de alimentos saudáveis para compor sua dieta diária. Isso porque a obesidade e os problemas cardíacos e respiratórios vêm agravando a saúde das sociedades. Então, cada vez mais pessoas são adeptas dos produtos naturais para suprirem suas necessidades calóricas e o mel é um dos produtos mais indicados para substituir o açúcar comum em muitas receitas.

Olhando por este lado, o comércio de mel está sendo estimulado e isso condiz com as estatísticas, que apontam o negócio com o crescimento de 10% ao ano. Realmente, não há o que se discutir quanto ao aumento do consumo de mel pelas pessoas, mas podemos traçar métodos para chegar mais perto do cliente e fazer com que este se sinta sensibilizado com as propostas e acabe adquirindo os produtos do comércio de mel.

Comércio de mel – Divulgação

A divulgação do comércio de mel pode ser feita, principalmente, na época do inverno. Isso porque os problemas respiratórios acabam chegando a muitas pessoas como um fator limitante de exercerem suas tarefas diárias. Então, o recomendado pelos médicos, além dos comprimidos, ainda é a utilização do mel como um importante remédio para as doenças respiratórias.

Este momento deve ser o que o empreendedor mais deve focar e investir. Na própria loja ou proximidades é possível fazer uma degustação para que as pessoas conheçam um pouco mais do sabor do mel. A tática tem tudo para dar certo, junto ao bom atendimento ao cliente, que deve ser preconizado e usado a favor do comércio de mel.

Para atrair clientes, o empreendedor pode lançar mão de outras táticas e até contratar profissionais de publicidade e marketing na proposta de estabelecer uma boa dinâmica com o consumidor na propaganda do comércio de mel.

5.00 avg. rating (89% score) - 1 vote

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA