Como Fazer um Planejamento Financeiro

Como fazer um planejamento financeiro? Seja pessoal ou empresarial, é fundamental aprender. Ele será responsável por deixar “em dia” as suas finanças, organizá-las e tornar possível atingir os objetivos financeiros.

planejamento financeiro
Aprenda como fazer o planejamento financeiro com este passo a passo e melhore a situação da sua empresa

É cada vez mais comum encontrarmos pessoas reclamando das finanças, acontece que, muitas vezes, o problema é justamente a falta de planejamento financeiro, isso pode resolver os problemas financeiros pessoais ou até mesmo mudar todo o cenário da sua empresa.

Quer saber mais sobre planejamento financeiro e como fazer o seu? Confira:

O que é planejamento financeiro

O planejamento financeiro é um processo de organização financeira, o qual visa reconhecer a situação financeira atual, determinar objetivos e criar estratégias para conseguir passar de um ponto A (atual) ao B (objetivo).

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

Dentre os dados analisados em um planejamento financeiro, podemos elencar o fluxo de caixa, faturamento, estoque, venda de produtos, custos, pagamentos de funcionários, entre tantos outros.

Ainda, quando se tem um bom planejamento das finanças você terá um “caminho” a seguir para mantê-las e também poderá fazer novos investimentos.

Passo a Passo para fazer um Planejamento Financeiro

Criamos os passos para você fazer um planejamento financeiro de sucesso, veja:

Passo 1: Análise do financeiro atual

A análise financeira da empresa no estado em que se encontra é o passo inicial, pois a partir dele você irá formar o planejamento financeiro.

Muitos empreendedores erram neste aspecto, passando a criar dezenas de estratégias, objetivos, metas, sem ter ao menos uma noção de como está a saúde financeira para poder traçar os objetivos.

Com isso, acaba-se criando planos que, 99% das vezes, não se concretizam, pois foram feitos sem ter uma base sólida.

Então, faça um apanhado de como estão as finanças, anote todas as movimentações financeiras. Uma boa dica é fazer uso do fluxo de caixa, estoque, faturamento e documentos de declaração contábeis. Ainda, existem dezenas de aplicativos que podem ser utilizados para armazenar as informações e manter um controle organizado.

Passo 2: Encontre os setores problemas

Se você está optando agora por um planejamento financeiro é porque, provavelmente, sua empresa possui setores problemas, ou seja, pontos em que estão dificultando a organização, estruturação financeira e lucratividade.

planejamento-setores-dificuldades
Para fazer o planejamento financeiro você precisa encontrar os setores da sua empresa que estão com problemas

Faça uma “varredura”, uma análise minuciosa dos seus setores, com o intuito de descobrir quais estão apresentando problemas. Dentre os problemas que podem ser encontrados estão:

  • Custos exacerbados;
  • Funcionamento incorreto;
  • Falhas na organização;
  • Funcionários insatisfeitos;
  • Erro de estrutura;
  • Baixa lucratividade

Normalmente, estes são os pontos encontrados nos setores problemas, mas claro, caso encontre outro fator, elenque este setor como um dos prováveis a serem estruturado para montar o planejamento financeiro.

É importante encontrar os setores com problemas porque as suas estratégias irão ocorrer diretamente neles. Além disso, mesmo que você crie um planejamento financeiro incrível, os setores com problemas (se não organizados), irão puxar sua empresa para “baixo” e acabarão por impedir que o planejamento seja colocado em prática.

Passo 3: Crie as metas e objetivos

Sim, metas e objetivos são fundamentais em um planejamento. Inclusive, nos meus planejamentos costumo criar um espaço/página exclusiva para todas as metas e objetivos.

Já ouvi aquela frase: Tanto faz o caminho se você não souber onde deseja chegar? É exatamente isso!

Todas as suas decisões devem ser pautadas pelas metas e objetivos, sem contar o fato de que aumentarão o seu foco, dedicação e resultados.

Faça uma relação de pelo menos 5 metas e 5 objetivos. As metas podem ser de curto prazo, por exemplo, 2/3 meses, já os objetivos de 6 meses 1 ano.

Passo 4: Desenvolva as estratégias

estratégias-planejamento-financeiro
Existem estratégias para colocar organizar o planejamento financeiro empresarial, veja quais

Agora é o momento de criar as estratégias que serão utilizadas para conseguir atingir as metas/objetivos elencadas no planejamento financeiro.

Quais são as estratégias que podem ser adotadas? Você tem um objetivo, as estratégias podem ser diversas, dependerá do seu caso específico, mas podemos citar algumas opções:

  1. Controle de estoque: O estoque costuma ser um fator básico no planejamento financeiro e, quando está em desarmonia com a demanda, oferta, faturamento e etc, pode ser o problema principal.
  1. Nova precificação: Se os seus produtos/serviços estiverem com preços equivocados é o momento de reajustá-los. Veja, a precificação pode ocorrer para mais ou menos. Preços muito altos podem ser sinônimos de poucas compras.
  1. Controle do fluxo de caixa: O fluxo de caixa é a representação mais fiel do que entra e sai do seu empreendimento, aliado ao controle de estoque irá lhe trazer a informação de quanto, realmente, sua empresa movimenta, com isso, você saberá se a lucratividade e aceitação do produto estão boas, caso a resposta seja positiva, é o momento de avaliar os gastos, custos, despesas, equipamentos, fornecedores e funcionários.
  1. Controle de custos: O controle de custo não é, necessariamente, corte. Significa se manter atento ao que está sendo gasto e garantir uma estabilização. Você pode reduzir os custos sem precisar cortar algo, podemos dizer que são medidas brandas muito efetivas e que não repercutem diretamente em cortes.
  1. Corte de gastos: O corte de gastos pode ser a única solução para organizar o financeiro da sua empresa. Nele estão aspectos como: rescisão contratual de funcionários, alteração de fornecedor, baixa de produção, diminuição de custos internos com materiais de escritório, entre outras medidas.
  1. Software de gestão financeira: Esta é uma das estratégias quase “obrigatória” para quem busca fazer um planejamento financeiro. Com ferramentas de gestão financeira você obterá dados imprescindíveis, conseguirá organizar e até mesmo integrar setores para uma melhor estruturação e acompanhamento. O custo para integrar um bom software na empresa é irrisório frente ao benefício, lembre-se disso!

Passo 5: Tenha um cronograma

Talvez se você esteja fazendo apenas o planejamento financeiro e mais nenhuma outra atividade, não pareça um problema, mas para quem possui diversas tarefas, ter um cronograma é imprescindível para conseguir “tirar do papel” o planejamento.

O cronograma deve conter todo o processo de elaboração do planejamento e aplicação, inclusive, coloque no documento os resultados almejados em cada etapa/período.

Deixe o cronograma em um local em que todos os empregados e responsáveis pela empresa possam visualizar, para assim manter o seu trabalho de acordo com os prazos.

Passo 6: Manter x renovar o plano financeiro

Esta é um dos pontos comuns de quem faz um planejamento financeiro, você termina, coloca em prática e, depois de alguns meses, surge a dúvida: manter o planejamento financeiro ou renová-lo?

A resposta desta pergunta dependerá de como a empresa está. É preciso filtrar se as suas estratégias permanecerão trazendo os resultados. Por isso, a sugestão é fazer uma análise e verificar se o plano pode ser mantido.

Normalmente, um planejamento é alterado de ano em ano, não em período inferir a este.

Você já fez o seu planejamento financeiro? Lembre-se que administrar corretamente o negócio é fundamental para o sucesso!

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA