Lilian Madeira: criatividade no e-commerce




Lilian Madeira
Lilian Madeira

Cansada das mesmices que encontrava por aí quendo precisava dar um presente, Lilian Madeira resolveu abrir a Lili Wood, loja virtual recheada de produtos que ganham destaque pelo design, inovação e criatividade.

O e-commerce abriu as portas em 2013 e Lilian procura se atualizar cada vez mais para que sua loja tenha sempre diferenciais. Formada em administração de empresas, a empresária deixou para trás o trabalho como obrigação para mergulhar na realização de um sonho.

Nessa conversa com o Novo Negócio, Lilian Madeira faz um balanço da sua empresa e diz porque escolheu um e-commerce e não uma loja física. Veja:

Novo Negócio – O que você deixou para trás para se dedicar a Lili Wood?

Lilian Madeira – O trabalho como obrigação, a rotina e todos os direitos do trabalhador com carteira assinada, tais como: a certeza do salário no final do mês, a carga horário “comercial”, os 30 dias de férias e o 13º salário.

Novo Negócio – Qual foi a sua principal motivação para abrir uma loja virtual de presentes?

Lilian Madeira – A realização de um sonho.

“Eu não tenho uma verba tão expressiva para investir em marketing. Acredito que uma das maiores dificuldades seja justamente saber onde investir a fim de conseguir a maior visibilidade”.

Novo Negócio – Por que escolhei o modelo e-commerce ao invés de uma loja física?

700 Ideias de Negócios

Lilian Madeira – Além do e-commerce me possibilitar trabalhar em qualquer parte do mundo, este modelo de negócio vem crescendo a taxa média de 24% nos últimos 5 anos. Se considerarmos os últimos 10 anos vemos um crescimento “assustador”. Em 2005 o faturamento do e-commerce no Brasil foi de 2,5 bilhões de Reais, enquanto que em 2015 estima-se um faturamento de 43 bilhões de Reais.

Novo Negócio – Você é formada em Administração de Empresas. Isso deve ter te ajudar bastante no dia a dia do negócio…

Lilian Madeira – Sim. Além do curso de Administração me proporcionar um visão ampla, já que inclui matérias como Finanças, Marketing e Recursos Humanos, tive o privilégio de estudar na FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado), que é uma escola com enfoque gerencial, e de trabalhar na área de Controladoria, que também me proporcionou uma ampla visão de como tudo funciona.

Novo Negócio – A loja nasceu num cenário não muito favorável para a economia. Ela já dava sinais de que entraria em crise. Que dificuldades precisou enfrentar?

Lilian Madeira – Considerando que a Lili Wood é uma empresa de recursos próprios e, infelizmente, eu não tenho uma verba tão expressiva para investir em marketing. Acredito que uma das maiores dificuldades seja justamente saber onde investir a fim de conseguir a maior visibilidade. Pois os produtos são interessantes, o atendimento e a entrega são rápidos, e o preço competitivo.




Novo Negócio – Que avaliação você faz do negócio após dois anos? O saldo é positivo?

Lilian Madeira – Graças à Deus o saldo é positivo! A nossa base de clientes e o faturamento vêm crescendo a cada mês.

Novo Negócio – Sob que pilares você construiu a marca?

Lilian Madeira – Seriedade, respeito e transparência para com nossos clientes.

Novo Negócio – O que você aprendeu com a Lili Wood?


Lilian Madeira – A Lili Wood me fez entender o conceito do “Ócio Criativo” do sociólogo italiano Domenico de Masi, onde ele afirma que: “O futuro pertence a quem souber libertar-se da idéia tradicional de trabalho como obrigação e for capaz de apostar numa mistura de atividades, onde o trabalho se confundirá com o tempo livre e o estudo”.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes




 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.