André Basile: menos é mais

André Basile
André Basile

A Homem da Terra já existia quando o publicitário André Basile chegou até ela. Eram duas lojas e uma delas precisou ser fechada para que a marca passasse por uma reformulação. Isso incluiu diminuir custos, trocar equipe e investir em nova estrutura. Para o empresário, ficar com uma loja só não foi tão ruim. A Homem da Terra entrou no azul e há seis anos investiu em um e-commerce.

Para André, menos é , de fato, mais. Planos para expansão por meio de franquias estão fora de cogitação. Mas o otimismo toma conta da loja virtual. André deseja fazê-la crescer, ampliando o espaço do operacional e do estoque. E isso não é um tiro no escuro. Após dois anos de atividade, o lucro do e-commerce passou dos 200% e a marca atingiu todo o Brasil.

André tem preocupação social e procura fazer com que a Homem da Terra tenha o mínimo impacto no meio ambiente. A empresa iniciou no ano passado o plantio de árvores, baseada no número de visitantes do site, envia os produtos em caixas reutilizadas, procura incentivar a redução do lixo e o consumo de orgânicos.

Nesta conversa com o Novo Negócio, André Basile fala sobre os rumos da sua empresa, sustentabilidade e as novidades para este ano. Veja:

Novo Negócio – Quais foram as maiores dificuldades que você enfrentou quando decidiu empreender?
André Basile – A marca Homem da Terra existe desde 1999, porém a nossa administração se iniciou em 2007. Na época não tínhamos nenhuma experiência no ramo nem com comércio. Compramos as duas lojas e a marca. Logo no primeiro ano tivemos que fechar uma das lojas para diminuir nossas despesas fixas, trocarmos toda a equipe, investimos em estrutura e treinamento, após essas mudanças é que começamos a sair do vermelho.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

Novo Negócio – Você deu início à Homem da Terra quando as pessoas ainda não tinham todo esse interesse em alimentação natural como têm agora. Como conquistou os consumidores?
André Basile – Quando iniciamos em 2007 as lojas de produtos naturais só investiam em suplementos e fitoterápicos, poucas eram as lojas que realmente disponibilizavam produtos naturais, orgânicos, veganos, sem lactose, sem glúten, etc. Nosso investimento foi em treinamento de nossa equipe de vendas para dar informação aos consumidores. Quem opta por uma alimentação natural não volta atrás, assim conseguimos conquistar clientes de forma natural. Sempre trazemos novidades. Muitos de nossos produtos são importados, pois a indústria nacional ainda não está preparada e nem tem interesse em produzir produtos orgânicos e não-trangênicos devido ao custo. O público que faz uso de alimentação natural está em crescimento, porém ainda é muito pequeno comparado ao restante. Devido a isso, as grandes indústrias investem pouco nesse setor.

Novo Negócio – Que avaliação você faz sobre a mudança de comportamento dos consumidores em relação à alimentação?
André Basile – Vejo como uma questão de saúde. O consumidor precisa entender que investir em uma boa alimentação é mais barato do que gastar com médicos e remédios. O produto orgânico precisa ser incentivado em nosso país, não podemos mais aceitar o uso indiscriminado de defensivos agrícolas que matam a curto prazo o agricultor e a longo prazo o consumidor. Somente o consumidor tem o poder de efetuar essa mudança. A indústria não vai mudar a forma de fazer alimentos enquanto tiverem pessoas dispostas a comprar.

Novo Negócio – Inovação é algo que está sempre presente no seu negócio. Você acha que isso é um diferencial?
André Basile – Desde 2009 começamos a vender produtos naturais pela Internet, na época o setor era dominado por algumas empresas especializadas em vender suplementos. Entramos em um mercado que tinha um público super restrito, porém conseguimos atingir todo o Brasil e isso nos deu ânimo para investir cada vez mais na venda pelo nosso e-commerce.

“Acredito em um crescimento somente no e-commerce, e nas lojas físicas o momento é de reestruturação. Se existe uma coisa boa na crise é que ela nivela o mercado e só sobrevive quem realmente faz um trabalho sério e dedicado”.

Novo Negócio – O e-commerce da Homem da Terra chegou há seis anos. Como ele agregou valor ao negócio? O faturamento aumentou consideravelmente com as vendas pela internet?
André Basile – Mesmo tendo somente uma loja, hoje somos bem conhecidos no setor, temos muitas parcerias com alguns fornecedores e conseguimos lançar produtos com um a dois meses de exclusividade de venda na Internet. Nosso faturamento após dois anos mais que dobrou. Conseguimos trazer muitos consumidores locais para a loja. Consumidores esses que, mesmo morando perto da loja, não a conheciam. Conseguimos fazer compras maiores com melhores negociações, com isso oferecemos aos nossos clientes preços competitivos e muitas vezes abaixo da concorrência.

Novo Negócio – No ano passado vocês iniciaram uma parceria de plantio de árvores com o Site Sustentável. Como isso funciona?
André Basile – A ideia é genial e hoje já existem muitas empresas especializadas em criar meios para compensar as emissões de CO2. O cálculo é feito em cima do número de visitantes diários em nosso site: quanto mais visitas, mais se exige de nossos servidores e por sua vez aumenta o consumo de energia. Compensamos a emissão de CO2 produzido pela geração dessa energia plantando árvores. O plantio de árvores é um trabalho de conscientização e uma forma de minimizar o impacto que geramos ao meio ambiente.

Novo Negócio – Sustentabilidade e responsabilidade social são preocupações da empresa?
André Basile – Tentamos ao máximo minimizar o impacto que geramos ao meio ambiente: plantamos árvores, enviamos boa parte de nossos pedidos com caixas reutilizadas, incentivamos nossos clientes a comprarem produtos que utilizam embalagens refil reduzindo o lixo plástico das embalagens. Priorizamos a compra de produtos feitos por cooperativas de agricultura familiar e de pequenos agricultores. Incentivamos o consumo de produtos orgânicos oferecendo aos nossos clientes uma opção alimentar saudável e livre de defensivos agrícolas (agrotóxicos).

Novo Negócio – Você pensa em uma expansão por meio de franquias? Por que?
André Basile – Não. Queremos expandir nosso e-commerce, investindo em um novo espaço para nosso operacional e estoque. O modelo de franquia não é saudável para a manutenção da qualidade do negócio.

Novo Negócio – O Brasil é o quarto maior mercado do mundo em termos de produtos naturais. Você considera o segmento promissor? Ainda há espaço para novas empresas?
André Basile – O segmento é promissor, porém atravessamos um momento de estagnação. Do final de 2014 até o momento testemunhamos muitos fechamentos de lojas físicas em todos os setores, inclusive no nosso. Acredito em um crescimento somente no e-commerce, e nas lojas físicas o momento é de reestruturação. Se existe uma coisa boa na crise é que ela nivela o mercado e só sobrevive quem realmente faz um trabalho sério e dedicado. As lojas que estão fechando já não eram financeiramente saudáveis, a crise só acelerou o processo.

Novo Negócio – Que novidades vêm por aí ainda este ano?
André Basile – Estamos aumentando nosso mix de produtos a granel na Internet, aos poucos estamos disponibilizando alguns produtos e ajustando nossa operação. Até o momento estamos recebendo muitos elogios de nossos clientes e acredito que esse será o nosso grande diferencial da concorrência, pois vamos oferecer produtos naturais a granel com preços bem abaixo dos produtos naturais industrializados com qualidade igual ou superior.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA