Pontos positivos e negativos de ser um franqueado

Por:

Pontos positivos e negativos de ser franqueadoMuita gente ouve ou já ouviu falar, mas não sabe ao certo o que é uma franquia e, especialmente, quais são os pontos negativos e positivos de ser um franqueado. Existem diversos jornais, sites e revistas voltados para esse tipo de empreendimento, contudo, ainda ficam muitas dúvidas. Será que realmente vale a pena investir nisso? Como é que funciona? Como o empresário deve proceder? E o principal: quais as vantagens e desvantagens de colocar dinheiro em um negócio com essa forma? 

Antes de ser um franqueado, entenda o que é uma franquia

De acordo com informações do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), uma franquia é um sistema em que o franqueado tem o direito de usar uma marca ou patente, distribuir e usar tecnologia e administração de um negócio que já está no mercado, sem caracterizar vínculo empregatício. Assim, uma pessoa que queira abrir um negócio pode escolher uma determinada empresa, se franquear e ter acesso a normas, logística e tudo mais daquela.

Os conhecimentos sobre tal organização são comprados e toda a metodologia usada para o desenvolvimento do empreendimento vem da empresa já pronta. O objetivo é dar acesso aos franqueados de um negócio que já está no mercado e é sucesso.

Quando se contrata uma franquia, as duas empresas (franqueadora e franqueada) não são dependentes e a única ligação entre elas são os benefícios mútuos que ambas incorporam. Como é uma relação de comércio, essa unidade se faz mediante um pagamento direto ou não.

Quais os pontos positivos de ser um franqueado 

O primeiro ponto a ser valorizado é que o franqueado obtém uma expansão muito rápida da empresa a um custo relativamente bem baixo. Isso porque a marca e os clientes já estão no mercado, já conhecem o negócio e os riscos de não dar certo são bem menores. Imagine, por exemplo, montar a própria choperia em uma cidade praiana como o Rio de Janeiro.

O tempo que se gastaria para negociar com fornecedores e especialmente para se posicionar, para se tornar conhecido seria bem maior do que se abrisse uma choperia, no mesmo local, mas já com nome consagrado e conhecido pelos cariocas. Isso implica dizer que uma empresa já conhecida comercialmente já fez o trabalho de marcar território, de conquistar clientes. É como se o franqueado pegasse um atalho e saísse já lá frente no caminho de vida dos negócios.

O segundo ponto que deve ser considerado é que, apesar de ser treinado para obter tais resultados em determinada marca, os franqueados possuem a liberdade de inovarem, de fazerem o negócio crescer, sem claro perder as principais características da marca.

Dessa forma, o gerenciamento tem uma base que é passada assim que se obtém a franquia, mas existe a possibilidade de inovar, de mudar alguns pontos e isso pode se refletir muito bem no negócio. Muitas vezes, o sucesso é tão grande que as novas ideias são passadas para toda a rede de lojas. Cada gerente então pode dar a sua colaboração da melhor forma possível para o crescimento não só da sua própria franquia, mas para o fortalecimento da marca e melhor posicionamento dela no mercado.

Informação Importante:

Pesquisas do IBGE e DIEESE confirmam que são mais bem sucedidos os empresários que fazem um planejamento ANTES de iniciar o próprio negócio. Clique aqui para descobrir como montar um negócio de sucesso.

Uma terceira vantagem é que assim que a franquia é adquirida, o franqueado recebe todas as devidas orientações de como o negócio deve ser tocado. Isso é muito bom para aqueles que possuem pouca experiência no mundo empresarial, para aqueles que estão começando agora, pois recebem muitas dicas. Assim, seguir as orientações é uma forma de estar começando bem nos negócios, mas isso não significa que a atenção e a boa administração devem ser deixadas de lado. Ao contrário: precisam estar presentes sempre para que tudo dê certo.

Além de orientações ao franqueado, um outro ponto positivo é que muitas empresas possuem consultorias que sempre estão por perto dos franqueados, dando orientações, ajudando no que for preciso. Para quem tem experiência no ramo, é mais uma forma de estar conectado ao mundo dos negócios e para quem está entrando no ramo de empreendimentos, além de estar se conectando cada vez mais com o empreendimento, está adquirindo novos conhecimentos.

Pontos negativos de ser um franqueado

Como existe essa liberdade dos gerentes, há também a infeliz possibilidade desse profissional contribuir de forma negativa para a franquia e como o público enxerga a marca como um todo e não como unidades, pode haver uma degradação dela aos poucos, ao longo do tempo e na memória coletiva. Quem nunca foi a uma franquia de um restaurante, foi bem atendido e quando foi a uma outra unidade da mesma rede a comida era ruim, os garçons eram péssimos e o atendimento era terrível? Isso é relato comum que se escuta por aí, portanto, é uma desvantagem isso.

Para não cair nessa desvantagem, é importante conhecer o máximo possível sobre a rede, sobre as unidades que fazem sucesso e os pontos fracos daquelas que são bem mal faladas pelo público e também apontadas por pesquisas. Sendo assim, nessas situações, não apenas o franqueado pode sair perdendo por contribuir negativamente para a marca como um todo, mas também para o franqueador que pode sofrer as consequências.

Outro ponto negativo de ser um franqueado é que existem franquias que simplesmente não oferecem canais de diálogo entre os gerentes das unidades franqueadas e a comunicação fica péssima, assim, o negócio fica engessado. Não só problemas de comunicação, mas envolvidos também com fornecedores, por exemplo. Existem franquias que são muito burocráticas ou problemáticas e o desenvolvimento de cada unidade, que seria natural, acaba não acontecendo, sendo então somente uma grande dor de cabeça para quem resolveu se franquear.

Mais uma face negativa das franquias é que muitos franqueados acreditam que, por estarem com uma marca boa em mãos, já conhecida do mercado, podem relaxar e não fazer nada para divulgar mais e trabalhar de maneira que agrade o público. É como se o empreendedor tivesse a certeza de que só o nome da empresa basta, o que é errado. Assim, alguns gerentes ficam acomodados e isso é prejudicial aos negócios, já que a concorrência não para e pode começar a atuar a qualquer momento.

Alguns passos antes de se se tornar um franqueado

Com essas dicas sobre os pontos positivos e negativos de ser um franqueado, fica mais fácil abrir o próprio negócio usando uma marca já existente no mercado e garantindo então uma maneira de ganhar dinheiro e ainda gerar empregos. Porém, é importante ter bastante dados em mãos para não ter uma franquia sem saber mais detalhes sobre ela: existem muitas no mercado que acabam dando problemas a quem está entrando no ramo de atividade.

Pesquisar se o franqueador possui uma rede com excelência de atendimento (embora os gerentes cuidem de cada unidade uma imagem geral ajuda e muito a escolher qual a franquia ideal), se oferece consultoria, apoio aos franqueados, se estabelece constante comunicação com esses, se oferecem vantagens para quem comprou a franquia são passos que devem ser dados. Converse com quem já foi franqueado, busque saber os motivos pelo qual desistiu ou encerrou com tal empresa são também algumas fórmulas básicas a serem feitas por quem quer ter sucesso no mundo dos negócios. O importante é sempre ter em mãos muita informação para não falhar na hora de abrir o empreendimento próprio e saber os pontos positivos e negativos de ser um franqueado.

DICA IMPORTANTE!

Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Contrate uma consultoria, estude em livros, use o kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas não arrisque suas economias em um chute!


FIQUE ATUALIZADO!
Gostou do Artigo? Receba Nosso Melhor Conteúdo Diretamente No Seu E-mail!


2 comments on “Pontos positivos e negativos de ser um franqueado
  1. Casimiro disse:

    É uma boa oportunidade para eu desenvolver as minhas habilidades no mundo de negócio sendo um empreendedor novo. Pretendo montar um salão cabeleireiro numa pequena cidade (Chibuto) onde vivo em Moçambique.

  2. Nataly Freixo.'. disse:

    gostaria de adquirir uma franquia do correio, tenho imóvel comercial próprio, e bem localizado.

    E, tenho um pouco de esperiencia empresarial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Vai Abrir Um Negócio?

Buscar Franquia Por:

Franquias baratas e lucrativas x rentáveis

Franquias baratas e lucrativas x rentá...

Se você deseja empreender através da compra de uma[...]

Ranking das Franquias do Brasil - Top 100

Ranking das Franquias do Brasil - Top ...

Conheça abaixo o ranking das franquias do Brasil. [...]

x

740 Ideias Práticas de Negócios (GRÁTIS)!

Faça como 410.552 Empreendedores, participe do meu grupo particular de negócios e descubra o que é necessário para ter um negócio de sucesso.

(Ou continue na dúvida...)

740 Ideias Práticas de Negócios (GRÁTIS)!

...uma destas ideias poderá ser o SEU FUTURO NEGÓCIO!

Faça Como 410.552 Empreendedores... OU Continue Na Dúvida!