Franquia é um bom negócio? Descubra aqui!

Dúvidas se a franquia é um bom negócio para você? Frequentemente recebo perguntas de visitantes se vale a pena ou não se tornar um franqueado.

franquia é um bom negócio
A franquia é um bom negócio ou as outras alternativas podem ser melhores? Descubra

A resposta a sua pergunta sobre franquia ser um bom negócio depende de cada caso concreto, ou seja, avaliar o seu perfil atual:

  • Perfil de compra e trabalho;
  • Habilidades;
  • Capital financeiro disponível;
  • Mercado local;
  • Expectativa de lucratividade;
  • Pagamentos mensais à marca;
  • Franquia propriamente dita;

Vamos mais a fundo e tratar exatamente se vale ou não a pena abrir uma franquia no seu caso, ensinando a descobrir e tratando dos aspectos importantes sobre a franquia.

Vantagens de montar uma franquia

A franquia é uma marca consolidada no mercado, normalmente com mais de 15 unidades franqueadas, o que apresenta uma expansão e ao mesmo tempo modelo de negócio de sucesso.

Existem opções de franquias para todos os gostos, desde franquias baratas até as mais caras. Importante lembrar que franquias caras não significam lucrativas.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

Veja as principais vantagens de se tornar um franqueado:

  1. Marca com credibilidade

O diferencial da franquia para um negócio próprio é justamente a existência de uma marca já consolidada no mercado e que ao mesmo tempo goze de credibilidade.

Iniciar uma marca é trabalhoso e muitas vezes podem levar anos para ser reconhecida no mercado, por isso a franquia pode ser uma boa opção e este um dos diferenciais mais importantes.

  1. Modelo de negócio de sucesso

Não se trata apenas de uma marca forte, mas sim um modelo de negócio totalmente estruturado para se atingir o sucesso, sendo replicado em cada unidade.

Neste modelo ou plano de negócio consta desde o processo de implementação, marketing, atendimento ao cliente, até o cronograma para a execução de cada etapa necessária na empresa.

Com este modelo o franqueado tende a ter menos dificuldade de iniciar as atividades empresariais.

  1. Suporte e assessoria ao franqueado

Quantas pessoas que pensam em abrir um negócio precisam desesperadamente de assessoria? Isso é comum! Até mesmo pelo perfil, alguns aspirantes a empresários sentem a necessidade de contar com apoio para se sentir mais seguros.

As franquias tendem a fornecer suporte e assessoria, seja para a escolha do ponto comercial ou jurídica, seja para dar suporte quanto as dificuldades enfrentadas diariamente pelo empresário.

  1. Estrutura e layout apropriado

A estrutura da empresa e o próprio layout externo são desenvolvidos cuidadosamente para refletir a “atitude” da marca. Além disso, o custo para a construção de toda a estrutura da unidade franqueada tende a ser menor (salvo exceções), já que se compra em maior quantidade para todas as unidades.

  1. Público consumidor definido

Com o público alvo bem definido as franquias costumam ter bons resultados, muitas vezes criando atrativos diferenciados pensados exclusivamente para o seu público.

Vale lembrar, vender para um público bem definido é mais fácil do que tentar atingir a todos.

  1. Produto com demanda

Pelo fato de a franqueadora já ter atingido o sucesso e expansão, já se sabe que o produto possui uma forte demanda pelos consumidores, além de espaço no mercado para novas unidades.

Desvantagens de montar uma franquia

As franquias possuem desvantagens sim, nem tudo são “flores” dentro do empreendedorismo no setor.

Descubra as principais desvantagens de se tornar um franqueado:

  1. Pagamento de taxa de franquia

A taxa de franquia é o primeiro aspecto ao ser observado pelo empresário ao decidir se é um bom negócio abrir sua franquia. O valor pode ser bem significativo e talvez, utilizá-lo na abertura do próprio negócio pode ser suficiente para criar um diferencial competitivo exclusivo.

  1. Pagamento mensal de taxas

pagamento taxa de franquiaO investimento inicial na franquia é o “menor problema” enfrentado, pois você guardou dinheiro e se planejou para arcar com ele, mas, e os pagamentos mensais, cobrados normalmente sobre o faturamento bruto e que reduzem significativamente os ganhos, está pronto?

Existem casos de franquias que a taxa mensal chega a atingir 40% dos lucros do franqueado.

  1. A marca não é sua

O fato de montar uma franquia na sua cidade não significa ser proprietário da marca. Pelo contrário, após o prazo de contrato você pode “perde-la”. Na verdade, a marca não é sua, você apenas está utilizando e para isso paga a taxa de royalties.

Às vezes pode ser mais interessante ter sua própria marca e trabalhar para expandi-la.

  1. O contrato de parceria tem prazo determinado

A abertura da unidade é regida por um Contrato de Franquia com prazo determinado. Este contrato pode ser prorrogado, mas não é uma obrigação da franqueadora ou franqueado. Normalmente o contrato de franquia é de 10 anos, já presenciei casos de 5 anos.

  1. O custo pode ser alto

O custo para montar uma franquia na sua região pode ser alto, muito alto. Existem franquias com um investimento total que ultrapassa a casa do milhão. Claro, também podem ser encontradas franquias de baixo investimento.

  1. Campanhas publicitárias locais são poucas

As campanhas publicitárias locais são de suma importância para o negócio, pois o público alvo do franqueado será a sua região. Acontece que muitas vezes a franqueadora deixa de dar a devida importância para as campanhas locais por beneficiar exclusivamente aquele franqueado.

Cuidado com isso, procure descobrir a periodicidade das campanhas locais, afinal, é cobrada uma taxa de publicidade.

Franquia x negócio próprio: O que fazer?

Esta é uma das dúvidas mais comuns de quem pensa investir o dinheiro, por isso quero ajuda-lo. Antes, sugiro a leitura deste conteúdo:

Para decidir se a franquia é um bom negócio ou não frente a sua própria empresa avalie os seguintes aspectos:

  • Vantagens e diferenciais competitivos da franquia para a sua região. Será a sua região que consumirá o seu produto, então não importa qual é a relevância nacional se não vender na sua localidade.
  • Custo de taxas mensais: verifique o quanto vale a pena utilizar a marca frente aos custos que terá com a atividade. É comum que as franquias cobrem até 60% do faturamento líquido da empresa ao somar todas as taxas, tornando um péssimo negócio.
  • O produto/serviço oferecido pela franquia pode ser executado por uma empresa própria? Quais as dificuldades? Qual é a probabilidade de sucesso? Qual será o faturamento?
  • Existem fornecedores alcançáveis caso opte por trabalhar com marca própria ou é preciso da franquia?
  • Sua região comporta a franquia escolhida?

Estes costumam ser os pontos mais importantes ao se pensar em uma franquia x negócio próprio. Ainda, sugiro fazer uma relação em lista com todos os pontos que julgar importante.

Cuidados ao se tornar um franqueado

Empresas que se tornam franquias estão cada vez mais frequentes no Brasil, é uma verdadeira “onda”. Contudo, não significa que todas estejam prontas para dar o devido suporte ao franqueado, tão pouco expandir-se para outras regiões.

Faça uma análise aprofundada da franquia, não apenas quanto a valores, lucros, taxas e produto, mas também em toda a história de funcionamento, funcionários, incentivos e outros franqueados da empresa.

O ideal é até visitar as lojas da marca para verificar como estão se apresentando no mercado e se estão com uma boa margem de clientes.

Precisa de ajuda para descobrir se o seu negócio é viável na sua região? Acesse aqui!

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA