Alternativa à Franquia: 6 Opções Atrativas

alternativa a franquia
Veja boas alternativas à franquia para iniciar e ganhar dinheiro

Muito tem se falado em montar uma franquia, contudo, existe alternativas à franquia que podem ser tão lucrativas quanto, desde que administradas de forma correta e consciente.

A busca por franquias tem crescido nos últimos anos, principalmente em virtude de o modelo de negócio vir estruturado, carregar o nome da marca, a empresa já ter sucesso e o risco de falência ser menor.

Acontece que o mercado está “volátil” e investir em franquias pode já não ser uma opção tão atrativa, até mesmo um negócio próprio, de menor valor, pode ser melhor do que empregar grandes somas financeiras para obter o “know how” de um negócio bem sucedido.

Por isso, selecionamos 6 opções atrativas como alternativa à franquia, confira:

Por que a franquia pode ser um investimento ruim?

O motivo número 1 elencado por pessoas ao adquirir franquias é a “segurança” de trabalhar com uma marca já conceituada no mercado, o que não significa proteção à falência. Sim, franquias vão a falência e franqueados podem fechar as portas antes do que você imagina, basta o negócio ir de mal a pior e administrar erroneamente.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 4 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

 

Outro fator que torna as franquias um investimento “não tão bom assim” é o fato de que a franqueadora permanece a lucrar em cima do trabalho do franqueado, diminuindo os lucros. Então, o que fazer?

6 Alternativas à Franquia

  1. Negócios baratos e de baixo custo

Seu capital de investimento pode durar mais se ao invés de abrir uma franquia, utilizar como alternativa a criação de um negócio barato e com baixo custo mensal.

Em períodos de recessão econômica, empresas que permanecem a lucrar e manter-se bem até o término da crise são aquelas com baixo custo. Afinal, custo baixo significa mais lucro, já que a lógica é “proporcional”, se gasta menos sobra mais.

E o que é um negócio barato e de baixo custo? Esta é uma “pergunta” relativa e o que irá determinar isso é justamente o capital de investimento que iria empregar em uma franquia.

O Barato corresponde ao investimento inicial e o baixo custo significa despesas mensais.

Assim, sobre o valor que você investiria, pode-se dizer que:

  • Barato é um negócio que exija no máximo 20% do valor inicial que investiria na franquia.
  • Baixo custo exige que os gastos mensais sejam de aproximadamente 8% a 10% do valor que investiria.

Pensando em uma franquia com investimento inicial de 200 mil reais, um negócio atrativo como alternativa tem um valor inicial de 40 mil reais e custo mensal de manutenção entre 1.600 reais a 2.000 mil reais.

Com isso, seu capital será suficiente para impulsionar e manter o negócio até que se torne conhecido e possua um bom faturamento.

Veja algumas opções de pequenos negócios baratos.

  1. Venda online é boa alternativa à franquia

vendas online alternativa a franquiaAs vendas online são opções atraentes frente às franquias, seja em virtude do custo para trabalhar quanto pelo fato de permanecer em crescimento, mesmo na crise.

Para trabalhar com vendas online você irá precisar conhecer sobre marketing digital e as modalidades de vendas, as mais comuns são:

  • Vendas em sites de terceiros: Mercado Livre, Ebay e etc.
  • Vendas na sua página virtual: Criar um site e iniciar as vendas.
  • Vendas em redes sociais: Hoje, muitas pessoas estão vendendo produtos sem custos através de perfis e páginas em redes sociais como o Facebook e Youtube.

Assim, caso seu capital para investir em franquia seja baixo, o ideal é trabalhar com a venda de produtos ou serviços online, obtendo-se um bom ganho com menos risco.

  1. Use seu capital para ingressar em sociedades já lucrativas

Você está pensando em fazer parte de uma franquia porque deseja correr menos riscos e ter “lucros certos”?

Pois bem, existem centenas, talvez milhares de empresários com empresas que já estão faturando e com ótimo potencial de lucratividade, mas, no momento, estão procurando um sócio investidor para expandir a ideia.

Utilizar o capital financeiro para entrar como sócio investidor e já começar a ter ganhos é uma ótima alternativa à franquia, sem contar que o seu trabalho será menor, não precisará se preocupar em administrar e gerir todo o negócio, recebendo apenas sobre os lucros.

Considera esta opção, pode ser a mais atrativa para você. Agora, se prefere mesmo iniciar um negócio, acesse aqui e faça uma avaliação de viabilidade de sucesso.

  1. Na crise dinheiro vale mais

Poucas pessoas tem noção do quanto o dinheiro vale em períodos de recessão financeira. Para entender o que estou falando, pense em situações práticas:

  • Ao tentar comprar um carro, está mais barato ou caro? Quanto você consegue baixar se tiver o dinheiro? Quantos carros estão disponíveis?
  • Ao comprar produtos como roupas ou equipamentos eletrônicos, ao pagar à vista, quanto de desconto consegue?

Logo você perceberá que, quando índice de inadimplência e a falta de poder aquisitivo estão elevados, quem possui dinheiro é um “verdadeiro Rei” e pode fazer muito mais com o que tem se souber utilizá-lo.

Por isso, se for para “entrar em um negócio” apenas para ter sua própria empresa, prefira guardar o dinheiro e aproveitar nas oportunidades que a crise irá lhe fornecer. Às vezes, até mesmo negócios prontos e que já possuem popularidade na região estarão disponíveis para “comprar”.

  1. Renda fixa pode trazer bons ganhos

Dificilmente a renda fixa lhe trará a possibilidade de ganho idêntico a um negócio próprio, contudo, o risco é quase zero.

Com o aumento da taxa Selic acima de 13%, títulos de renda fixa como tesouro direto, CDB e LCI são considerados bem rentáveis.

Dependendo do capital a ser investido, o retorno financeiro pode servir como uma boa renda extra. Faça os cálculos e procure por um especialista para se informar quanto pode ganhar com a aplicação dos seus recursos.

Fique atento à possibilidade ou não de retirar os valores antes do prazo de vencimento do prazo estipulado e qual o valor que perderá por isso.

  1. Monte uma empresa em casa trabalhando com produtos sob encomenda

Produtos sob encomenda é a opção perfeita para evitar prejuízos e ao mesmo tempo ganhar dinheiro.

Quando você vende primeiro para depois produzir, seu risco é zero (ou quase). Por exemplo, uma pessoa que faz bolos e doces para festa infantil, apenas iniciando após a contratação (pedido), qual é a probabilidade de não ter lucro?

Esta é uma das estratégias com maior potencial de assertividade em negócios e, caso você seja bom em algo que permite trabalhar desta maneira, aproveite, está perdendo tempo!

Claro, você deve se dedicar e ao mesmo tempo ser um bom “vendedor”, com isso irá captar clientes.

O que achou das alternativas a franquia? Comente!

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

 

► Dica Importante!


Independente do tipo de negócio que você deseja montar é muito importante fazer um planejamento. Estude em livros, contrate uma consultoria, use o Kit Como Abrir Um Negócio, enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!


 

DEIXE UMA RESPOSTA